Câmara de Vereadores de Rio Branco não sabe se ex-presidente cumpre expediente, mas salários não têm desconto

As informações sobre a vida funcional do vereador Artêmio Costa, ex-presidente da Câmara Municipal de Rio Branco e funcionário de carreira da Casa, são desencontradas e reforçam a suspeita de um descontrole generalizado sobre o comparecimento ou não do parlamentar para cumprir seu expediente como servidor do Setor de Taquigrafia. No setor de origem, foi dada a informação à reportagem de acjornal.com de que Artêmio estaria afastado para exercer o mandato (ouça o áudio abaixo). O departamento de Recursos Humanos, por meio da chefe do setor, Aldeniza, não confirma o afastamento. “Ele pediu para trabalhar todo dia, sempre no período da tarde. Pra mim, consta que ele não falta ao serviço”, afirmou a chefe de RH. (ouça o áudio abaixo)

Uma denúncia anônima relata que Artêmio comparece apenas na condição de parlamentar para participar das sessões. O regimento interno da câmara determina que o servidor deve assinar o ponto e cumprir o horário normal de expediente, especialmente às segundas e sextas feiras, dias em que não há sessões legislativas. “Os servidores assinam ponto, mas não com regularidade. Mesmo trabalhando todos os dias, há quem não assine o ponto.

Outros três vereadores que também são servidores públicos cumprem expediente às segundas e sextas feiras. São eles: Manoel Morais (fiscal do município), Jackson  Ramos (médico do estado e município) e Mamed Dankar (fiscal do estado), inclusive nos plantões noturnos para os quais estão escalados.

Audio 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *