Em nota, PPS nega ter expulso dirigente

Nota de esclarecimento

Não é verdade que o PPS tenha expulsado o senhor Souzinha. Tampouco procede a informação, maldosamente plantada em setores da imprensa local, dando conta de que a professora Rosana Nascimento, presidente regional, tenha se apossado da legenda. A atual diretoria foi eleita no congresso do PPS, realizado no dia 25 de novembro, no Audiotório da Aleac e os antigos diretores foram convidados. Cabe esclarecer que o senhor Souzinha, inclusive, comunicou de sua decisão pessoal de não mais continuar como dirigente do partido.

Os ex-dirigentes do PPS foram homenageados com diplomas e flores, inclusive o professor Mastrângelo (in memorian), por meu de seus filhos, Aldenor e Carlitinho. O mesmo não aconteceu com o senhor Souzinha, que não quis comparecer.

Não faz sentido o desrespeito a filiados e dirigentes. Não é com este pensamento que queremos tornar o PPS altivo e próspero. Jamais negaríamos a importância daqueles que estiveram à frente do partido e fizeram o seu melhor por ele.

Portanto, a notícia de expulsão é um exagero, como não é verdade que a gestão do partido é exercida com imposições. Aqueles que queiram somar conosco são bem-vindos, sempre, pois acima de qualquer interesse pessoal ou partidário está o desejo de contribuirmos para um Acre promissor, em benefício de sua gente e em total respeito às nossas raízes.

 

Rosana Nascimento

Presidente Regional do PPS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *