Vídeo: deputado espalhafatoso da tatuagem entrevista presidente e diz “é Temer, Deus e nóis”

Amigos de longa dala

O deputado que tatuou o nome “Temer” no ombro conseguiu chamar a atenção até depois da votação da denúncia na Câmara. Do Congresso, Wladimir Costa (SD-PA) seguiu ao Palácio do Planalto, subiu à sala do presidente e entrevistou o peemedebista. Temer disse que a Câmara fez “justiça”. A notícia é de OGlobo. (Veja o vídeo aqui)

— Estamos aqui no Palácio do Planalto. (Estão aqui) deputados, assessores, ministros, o ministro (da Defesa, Raul) Jungmann, ministro (da Fazenda, Henrique) Meirelles, presidente Temer, advogado (Antonio) Mariz (de Oliveira, defensor de Temer no processo) — começa Wladimir no vídeo que ele próprio divulgou depois a jornalistas pelo Whatsapp.

O deputado aborda em seguida o presidente, que conversava com o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) e seu filho, Fernando Coelho Filho (PSB-PE), ministro de Minas e Energia:

— Presidente, vitória do povo brasileiro, maioria absoluta, Deus e Michel Temer, com a sua biografia e sua história.

Temer, então, responde:

— Foi uma vitória significativa, porque afinal foi mais do que a maioria absoluta da Câmara dos Deputados, o que revela a conexão, a junção muito grande entre o Congresso Nacional, a Câmara dos Deputados, e o Poder Executivo. O Poder Executivo fez… perdão, a Câmara dos Deputados fez o que deveria fazer: justiça. Eu estou muito grato à Câmara dos Deputados, aos brasileiros e brasileiras que nos apoiaram neste tempo, aqueles que compreenderam as dificuldades do país, que estamos superando as dificuldades do país.

Wladimir termina a conversa e o vídeo com um “é nóis”:

— Graças a Deus, “é nóis”, é a turma do Michel Temer, Deus no comando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *