No menu items!
31 C
Rio Branco
domingo, outubro 25, 2020

A indireta do DEM para o PP: “O Juruá tem menos voto que a Baixada da Sobral”

Últimas

Justiça eleitoral de Cruzeiro do Sul, caça candidatura do vereador Romário Tavares (MDB), um dos mais fortes da chapa de Fagner Sales

Concluindo o 5º mandato de vereador seguidos, Romário Tavares foi enquadrado no crime de improbidade administrativa no período em que esteve como presidente da...

Carreirista, Roberto Duarte não decola e perde tempo atacando Socorro Neri

Depois que a prefeita Socorro Neri (PSB) ultrapassou os adversários na última pesquisa, o nível de ataques de alguns adversários vem aumentando contra a...

Jarbas Soster reúne milhares de apoiadores em arrastão no Calafate e carreata no Centro de Rio Branco

Na manhã deste sábado, 24, o candidato a prefeitura de Rio Branco, Jarbas Soster, reuniu centenas de pessoas em uma caminhada pelo bairro Calafate....

Gladson busca apoio do Exército para ofertar água potável em comunidades indígenas e ribeirinhas

Da Secom Os esforços do governador Gladson Cameli para melhorar a qualidade de vida da população acreana não param. Cumprindo agenda em Manaus (AM), nesta...

Polícia investiga prefeito do Acre e suas amantes, que são fantasmas e ostentam na Internet

Enquanto a maioria dos servidores da prefeitura de Xapuri trabalha jornadas de oito horas diárias para ganhar um salário mínimo, duas eventuais funcionárias comissionadas...

O Democratas insiste em emplacar uma segunda candidatura ao Governo do Acre em 2018. E, como diz a máxima popular, se colar, os três líderes da composição DEM-PSDB formaria deveriam formar a chapa majoriária (um para o governo e outros dois para o Senado). É este o raciocínio do secretário-geral do Democrata Franck Lima ao promover sucessivas postas nas redes sociais, sobretudo na tentativa de desclassificar a proposta de unidade em torno do senador Gladson Cameli.

“Com todo respeito que tenho ao vale do Juruá, mas política é números, e números não mentem. O vale do Juruà é importante sim, mais não é mais importante do que o que é”, escreveu Lima num grupo de Whatsapp cujos membros têm orígem em vários partidos de oposição. “Cruzeiro do Sul, Porto Valter, Thaumaturgo, Rodrigues Alves, Márcio Lima, a soma dos votos desses cinco municípios é menor que a soma dos votos da Baixada da Sobral”, disse ele. “E tem nego que fala como se seu candidato fosse ter todos os votos da localidade”, ironizou. “Vamos acordar e fazer política com os pés no chão”, concluiu.

 




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui