No menu items!
31 C
Rio Branco
quarta-feira, setembro 30, 2020

Por pura birra, Tião Viana ameaça saúde da população de Sena Madureira para prejudicar Alan Rick, denuncia deputado

Últimas

Menor contratado por empresa de Internet morre eletrocutado na BR 317

Vanderson de Assis, um jovem de 16 anos, morreu eletrocutado no início da tarde desta quarta feira na Comunidade Campi Novo, km 105 da BR...

Presidente Nicolau Júnior anuncia que emendas parlamentares serão liberadas a partir dessa semana

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (PP), informou durante sessão desta quarta-feira (30) que a partir dessa semana já...

Presidente do Sindicato das Olarias, ligado à Fieac, é denunciado por esmurrar a sogra

O empresário Márcio Valter Agiolfi, presidente do Sindicato de Olarias do Acre, foi denunciado pela promotora Joana D´Arc Dias Martins, por lesão corporal. A...

Porto Acre: com início das chuva, produtor rural faz apelo ao governo do estado

O produtor rural e atualmente candidato a vereador pelo município de Porto Acre, Jornalista Salomão Matos (MDB), fez um apelo na tarde desta segunda...

Professor Coelho, coordenador da campanha de Bocalom, nega que Bestene tenha atacado Gladson: “não vi isso”

O professor Coelho, coordenador da campanha de Tião Bocalom, candidato à Prefeitura de Rio Branco, deu um testemunho ao acjornal desmentindo que o deputado...

Durante a sessão desta quinta-feira (29) o deputado Nelson Sales (PV) comentou a possível devolução de mais de R$ 4 milhões, frutos de emenda do deputado federal Alan Rick (DEM) para reforma e ampliação do Hospital João Câncio Fernandes, em Sena Madureira. O motivo seria meramente ‘politiqueiro’. Conforme a denúncia apresentada por Sales, o governo do Estado não teria interesse em dar andamento ao projeto, isso porque Alan Rick deixou de integrar a Frente Popular do Acre, filiando-se ao Democratas.

“Chegou ao meu conhecimento que a emenda destinada pelo deputado federal Alan Rick, de R$ 4 milhões, que seria para a reforma e ampliação do Hospital de Sena Madureira pode ser devolvida por culpa do governo do Estado, isso porque foi dado um toque: ‘para tudo e não dá prosseguimento’. Isso apenas para não valorizar um deputado de oposição. A partir de hoje eu vou divulgar em Sena Madureira o que o governo do Estado está querendo fazer. Eu estive com o deputado Alan Rick lá com o presidente Temer. Chegou a informação que o governo do Estado mandou parar tudo. Isso é irresponsabilidade. Essa licitação já era para ter sido homologada. A população de Sena vai saber dar o troco. O que tem de valor naquela unidade de saúde é o povo que trabalha lá, porque as condições lá são mínimas. Depois de 20 anos desse governo para poder recuperar aquele hospital, existe a suspeita da devolução desse recurso”, salienta Nelson Sales.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui