Secretário e demais agentes de segurança são alertados sobre revanche de facções após execução no Quinari

?

A Secretaria de Segurança Pública teria dada um alerta, na tarde desta segunda-feira, para que as autoridades de primeiro e segundo escalões visadas pelas facções criminosas reforcem seus cuidados e sua pessoal. As famílias devem ser mais cuidadosamente protegidas também, segundo apurou o acjornal.com junto a investigadores de polícia que não vão se identificar. Os motivos; a execução do pai do diretor do Presídio de Senador Guiomard. O assassinato teria sido mais uma prova de força dos grupos criminosos que não aceitam as regras impostas pelo estado nos complexos penitenciários do Acre.

A policia civil não convenceu ao ter, imediatamente após o crime, apresentado a versão de latrocínio (roubo seguido de morte). Policiais que atenderam a ocorrência analisam que “esse não foi mais um dos assaltos corriqueiros cometidos na cidade”. Ao negar a possibilidade de revanche por parte das facções, a Segurança Pública tenta associar o crime a mais uma suposta ameaça direta ao secretário de segurança Emilson Farias e outros agentes de segurança.

Segundo a polícia um grupo de quatro homens chegou armado à residência de Artemildo Valente da Costa (51) para levar um corsa classic, que tem baixo valor no mercado. Ao entrar na casa se depararam com a vitima e atiraram 5 vezes.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui