Jovem vítima de bala perdida, e com o projétil alojado na coluna, pode ficar paraplégico. Família acusa negligência médica

O jovem Manoel Ferreira da Silva, de 26 anos de idade, conhecido pelo apelido de “bacurau”, morador de Sena Madureira, vítima de bala perdida mo dia 11 deste mês, está sem movimentos nas pernas. “Me levaram para Rio Branco, mas não fizeram nenhuma cirurgia para retirar a bala que está alojada na minha coluna, o médico me pediu pra retornar depois, não sei o que vai ser de mim, estou com medo de ficar paraplégico, dói muito está passando por isso sem ter feito nada de errado” relatou com muita tristeza, o Jovem. Ferreira foi baleado na Rua Avelino Chaves, um acesso urbano da cidade.

Pai de três crianças, a mais nova com 8 meses de idade, Manoel Ferreira está prostrado numa cama, sem poder se levantar. Angustiado, ele fez apelo aos amigos por uma cadeira de rodas.

A mãe do rapaz, Dona Maria Ferreira, de 44 anos, moradora do Segundo Distrito, está inconformada com o que fizeram na vida do seu filho. “Toda a nossa família está muito triste, só Deus para nos dar força nesse momento. Deixaram o meu filho numa situação muito difícil, sendo que ele não tinha feito nada de mal pra ninguém”, desabafou.

Os que puderam ajudar podem entrar em contato com o telefone 99901-7877

Com informações www.senaonline.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui