No menu items!
31 C
Rio Branco
quarta-feira, setembro 30, 2020

“Sem ambiente no PSDB”, Marcio Bittar pode se filiar ao PMDB nas próximas horas, diz blogueiro

Últimas

Menor contratado por empresa de Internet morre eletrocutado na BR 317

Vanderson de Assis, um jovem de 16 anos, morreu eletrocutado no início da tarde desta quarta feira na Comunidade Campi Novo, km 105 da BR...

Presidente Nicolau Júnior anuncia que emendas parlamentares serão liberadas a partir dessa semana

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (PP), informou durante sessão desta quarta-feira (30) que a partir dessa semana já...

Presidente do Sindicato das Olarias, ligado à Fieac, é denunciado por esmurrar a sogra

O empresário Márcio Valter Agiolfi, presidente do Sindicato de Olarias do Acre, foi denunciado pela promotora Joana D´Arc Dias Martins, por lesão corporal. A...

Porto Acre: com início das chuva, produtor rural faz apelo ao governo do estado

O produtor rural e atualmente candidato a vereador pelo município de Porto Acre, Jornalista Salomão Matos (MDB), fez um apelo na tarde desta segunda...

Professor Coelho, coordenador da campanha de Bocalom, nega que Bestene tenha atacado Gladson: “não vi isso”

O professor Coelho, coordenador da campanha de Tião Bocalom, candidato à Prefeitura de Rio Branco, deu um testemunho ao acjornal desmentindo que o deputado...

O ex-deputado federal Marcio Bittar estaria de malas prontas para voltar a se filiar no PMDB, partido que o projetou na política, em 1994, escreveu o blogueiro Evandro Cordeiro, no início desta noite (veja aqui). De a cordo com a publicação, Bittar não tem mais ambiente no PSDB, partido que presidiu no Acre por quase oito anos e por onde foi eleito o deputado federal mais votado da história, com mais de 52 mil votos, em 2010. O ex-parlamentar tem o próprio presidente tucano, deputado Major Rocha, como principal rival.

“Bittar estaria deixando o ninho tucano e voltando ao “glorioso” por circunstâncias sabidas. Uma destas, o fato de poder emplacar uma candidatura de vice-governador, saindo de uma zona de atritos na oposição, onde ao menos umas quatro figuras lutam pela segunda vaga de candidato ao Senado – a primeira é do senador Sérgio Petecão (PSD)”, disse o jornalista.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui