No menu items!
25 C
Rio Branco
sábado, setembro 26, 2020

Jovem de 18 anos morta a pauladas dançou funk em cima de uma sinuca horas antes do crime. VEJA O VÍDEO

Últimas

Prepare-se: preço do arroz vai continuar subindo até março de 2021, diz presidente da Associação dos Supermercados do Acre

O empresário Aden Araújo fez uma previsão sobre os sucessivos reajuste no preço do arroz no Acre, na tarde desta sexta-feira. São projeções nada...

“Vi muitos abusos sexuais em grupos da Ayahuasca”, diz antropóloga

Carlos Minuano Colaboração para o TAB A cientista Bia Labate se diz uma vítima de condições desafiantes no Brasil. A antropóloga brasileira foi morar na Califórnia...

Quem atenta contra as normas de segurança alia-se à Covid no “ataque” à saúde pública e à Nação

Com mais de 105 mil mortes no total, cerca de mil óbitos e 45 mil novos casos por dia, a Covid-19 segue ameaçando de...

Decano do STF, Celso de Mello antecipa aposentadoria para outubro

O ministro Celso de Mello, que tinha aposentadoria agendada para novembro, comunicou à presidência do Supremo Tribunal Federal (STF) que antecipará a data para...

PF incinera quase meia tonelada de drogas em Cruzeiro do Sul

A Polícia Federal em Cruzeiro do Sul/AC incinerou, ao final da tarde de quinta-feira (23/09/20), quase meia tonelada de drogas. O montante destruído é...

Carla dança sobre uma sinuca, em bar de Sena Madureira, antes de ser morta a pauladas

Carla Ferreira da Silva, 18 anos, conhecida como “Ruiva”, morta a pauladas na madrugada desta terça-feira, em Sena Madureira, participou de uma bebedeira antes do crime.  A jovem aparece num vídeo em dança sensual sobre uma mesa de sinuca. A performance da garota chama a atenção de uma platéia supostamente composta por homens. No vídeo, ouve-se, além da voz de Carla, a voz de homens. O vídeo tem duração de 1 minuto e quarenta segundos. A gravação foi feita num bar da cidade. Já não havia clientes neste momento.

O ex-presidiário Nilton Silva da Costa, 31 anos de idade, acusado de matar Carla, já foi interrogado pela polícia. Ele se disse confuso num primeiro instante. Depois, se contradisse. Afirmou que saiu com Carla para um passeio na praça. “Depois fomos para a minha casa. O que aconteceu lá dentro de casa eu não me recordo”, disse ele, de acordo com publicação da imprensa local. A contradição veio na declaração seguinte: “Estou arrependido”, disse ele. O rapaz já cumpriu pena no presídio local por tráfico de drogas.O delegado Marcos Franck acredita que o suspeito tem algo mais a contar.

Natural de Jaru (Rondônia), Carla Ferreira da Silva, 18 anos, estava residindo atualmente em Sena Madureira e teria conhecido o acusado em um bar na noite de ontem. Ela foi morta com pauladas na cabeça e seu corpo foi encontrado pela manhã na Rua Piauí, região do antigo Centro Social Urbano (CSU). Na residência a Polícia encontrou um litro de bebida alcóolica (Camelinho) e uma trouxinha de pasta à base de cocaína

Com informações Folha de Sena




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui