“Presta atenção”: na mesa de Poker, ex-deputado tira onda com comandante da PM, leva surra e vai parar no hospital

Na linguagem militar, um “presta atenção” dói mais do que um enquadramento disciplinar oral. É o que muitos, na corporação, chamam de “telefone”. Esta experiência foi vivida pelo ex-deputado estadual Gilberto Diniz, que teria provocado o capitão Moisés Araújo, comandante da PM no município de Manuel Urbano. A discussão aconteceu numa mesa de poker, no início da noite desta segunda-feira. Gilberto fez brincadeiras que o militar considerou “de mau gosto”, quando jogavam baralho no “Bar do J”, região central da cidade. O ex-deputado, segundo testemunhas, “apanhou muito” e foi levado ao hospital com suspeita de fratura em quatro costelas. Uma foto enviada ao acjornal.com mostra Gilberto com um ferimento no rosto, ainda no bar onde houve a confusão.

Não foi possível localizar o militar e o ex-deputado.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui