Deputado emplaca o oitavo parente de primeiro grau no governo com alto salário no Governo do Acre

Até o início deste ano o deputado Raimundinho da Saúde (PTN), presidente da Comissão de Saúde da Assembléia Legislativa do Acre, havia emplacado cargos comissionados para sete parentes no Depasa. Cabos eleitorais e amigos da família também foram agraciados com emprego bem remunerado no mesmo órgão. No dia primeiro de junho deste ano, saiu, no Diário Oficial do Estado, portaria assinada pelo governador Tião Viana em que o irmão do deputado, Jailson Correeia da Costa, é nomeado para a Secretaria de Pequenos Negócios. A função que ele deveria exercer não é informada. Jailson mora na cidade de Capixaba, onde a instituição pública para a que ele foi nomeado não tem escritório de representação. O salário do irmão do deputado tem referência de SEC 5, o equivalente a R$ 5,3 mil mensais.

A nomeação de Jailson, irmão do deputado

Num primeiro momento, logo que as denúncias foram feitas, o diretor presidente do Depasa, Edvaldo Magalhães, disse desconhecer nomeações e se negou a comentar o assunto. Diante da repercussão, o ex-deputado se viu obrigado a dar uma satisfação pública, uma vez que a reportagem trazia nomes, grau de parentesco dos nomeados com o deputado e os respectivos salários. Edvaldo, ao invés de zelar pela transparência e dar cumprimento á lei, preferiu atacar o jornalista responsável pelo material publicado. Pelo visto, a sangria na folha de pagamento continua, em atendimento a critérios  estritamente político, desprezando-se a necessidade de economia e, o que é pior, desrespeitando-se o direito dos concursados de serem convocados para o trabalho.

O contato da Secretaria de Pequenos Negócios (3224-7674) dá numa residência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui