Corrente pede ajuda a grávida de 8 meses, mulher do líder religioso executado por engano em Rio Branco

Família feliz atingida pela criminalidade em Rio Branco

Começou a circular nas redes sociais, nesta quinta-feira, um apelo em favor da dona-de-casa Rosenilda de Souza Silva, mulher do líder religioso José Francisco de Araújo Silva. O rapaz foi assassinado no último final de semana no Bairro Vitória, provavelmente por engano. A polícia não tem pistas dos criminosos. O homicídio ocorreu em meio a ataques criminosos atribuídos à guerra entre facções. “José dedicava a sua vida à igreja. Não tinha passagens pela polícia e nunca se envolveu com facção criminosa”, escreveu uma amiga da família, sensibilizada em ajudar através da divulgação do apelo nos grupos de Whatsapp. Rosenilda de Souza Silva está grávida de oito meses, não tem emprego e cuida da filha menor . Ela espera um menino. A alimentacão é a maior carência, diz a sobrinha, Mara Silva. “A polícia não veio aqui e nós não sabemos se estão investigando”, disse Mara a respeito da morte do tio.

O apelo

Aqueles de bom coração que puderem ajudar com sacolões, UM COLCHÃO, fraldas e doações para o bebê, será de grande valia.

Deixo telefone para contato 9963-6600 – telefone da sobrinha.

Aos que quiserem visitá-la, Rosenilda reside na Travessa Jovem, número 39, Bairro Vitória

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui