Amigos se despedem de “Peixinho”, acadêmico do Curso de Química da Ufac, morto nesta madrugada

Amigos de Érick Maia, de 21 anos, estudante do Curso de Química da Ufac, amanheceram nesta domingo consternados com o falecimento do colega, vítima de um acidente de trânsito durante a madrugada. Maia era tido como um dos alunos mais inteligentes da universidade. Ele perdeu o controle de sua motocicleta e estaria em velocidade acima do permitida para uma via próxima ao Residencial Green Garden, no conjunto Edson Cadaxo.  Erick era carinhosamente chamado de “peixinho”.

“O curso de química não será mais o mesmo, pra mim sem você. Nossa apresentação que íamos fazer quarta, vai me deixar sozinha?
Eu não tô acreditando, tão novo, tão cheio de vida. Mas agora está nos braços de Deus”, escreveu Bethânia Mariussa, colega de sala.

“Acordar com essa notícia não tá sendo fácil. Nunca mais vou ver aquele garoto inteligente que eu conheci desde menino..Vai com Deus meu sobrinho querido”, postou Léia Furtado, tia de Érick.  Natália Mota escreveu: “dói tanto, não dá pra acreditar, deixo aqui meus sentimentos, você não vai poder ler essa mensagem, não vou poder te ver mais, abraçar, brincar… como dói meu primo, sangue do meu sangue, Descanse em paz”.

NOTA DE PESAR

O Diretório Central dos Estudantes da UFAC, vem em nota, lamentar o falecimento do discente do curso de Química, acadêmico Erick Maia. Nesse momento de dor e sofrimento com a interrupção da vida de um rapaz tão jovem e cheio de sonhos, desejamos força a família e a todos os amigos enlutados.

Diretório Central dos Estudantes da UFAC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui