Com voz embargada e aparentando indignação, o ex-deputado Walter Prado desafiou os políticos da oposição com mandato: “onde estão vocês que não questionam o governo? Onde está o Ministério Público?”, indagou. “Estão matando só pobres, mulheres pobres, jovens pobres”, afirmou.

Prado se referiu às estatísticas da criminalidade referente a 2017: foram 500 mortes de execução e só tem 50 ações penais. Quer dizer que em 450 que não apuraram p… nenhuma”, criticou. “Esse pessoal da oposição precisa fazer côro. Cada fim de semana morrem cinco, seis pobres. O povo está sofrendo. Nós estamos com índices de homicídio parecido com uma guerra. E fica todo mundo calado, o MP calado”.

O ex-chefe de polícia do Acre insinua que  Segurança Pública não está no caminho certo para elucidar as mortes violentas no Acre. “Eles enganam o povo com a mídia, mas a mim não. Não estão preparando inquérito, nem produziram as provas, para que o promotor possa denunciar. Vocês das redes sociais precisam cobrar, pressionar”, disse ele em áudios que estão sendo rapidamente espalhados nos grupos de Whatsapp.

 

Deixe uma resposta