No menu items!
21.3 C
Rio Branco
quarta-feira, junho 16, 2021

Asa do Trike que caiu matando piloto e co-piloto tinha defeito. Celular gravou acidente

spot_img

Últimas

Uma das asas do Trike que caiu no último domingo, em Rio Branco, matando os dois ocupantes do aparelho, estava com problemas. Geliton Roque e Luiz Melo, as vítimas da tragédia, sabiam que não havia 100% de certeza de que aquele voo seria seguro. Após uma decolagem tranquila, a dupla perdeu a direção da aeronave no instante em que a asa esquerda partiu ao meio.

Foi quando o aparelho inclinou-se em direção ao chão e deu início a uma queda livre de uma altura estimada de 20 metros. Roque e Luizinho voavam à frente do motor, que pesa cerca de 90 quilos. Os corpos do piloto e do co piloto absorveram o impacto da engrenagem quando o Trike atravessou galhos de árvore e atingiu o solo. O celular de Geliton, que era técnico em eletrônica, estava gravando tudo. As gravações estariam em poder da viúva, que seguiu para o velório do marido na cidade de Boa Vista (RR), terra natal do rapaz. Nesta modalidade, os praticantes não usam paraquedas.

Um setor da Aeronáutica estaria envolvida em descobrir as causas do acidente.

A mulher, emocionada, chamou bastante atenção de funcionários do |I|M|L, amigos e familiares ao ver o corpo do marido. Ela fez críticas bastante contundentes aos praticantes do esporte, que compareciam naquele instante ainda comovidos com a notícia.




- Advertisement -spot_img

Mais notícias