O major Russo, da Comunicação Social da Polícia Militar do Acre, disse que o comando geral irá se pronunciar apenas por nota sobre a prisão do tenente Josemar Farias, ocorrida nesta quinta-feira. O oficial, membro do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), é suspeito de envolvimento com organização criminosa.

Josemar foi um dos alvos da Operação Sicario, deflagrada pela policia civil em parceria com o Ministério Publico Estadual. Ele tem fama de oficial atuante e comandava as principais operações do Bope. A suspeita é que o militar esteja envolvido com membros de uma organização criminosa. Josemar Farias, apos receber voz de prisão, foi encaminhado ao Batalhão de Policiamento Ambiental.

Deixe uma resposta