Kleiber Souza Guimarães, ex-diretor da Secretaria de Saúde, virou gestor de Controle Interno da Secretaria de planejamento. Na Seplan, a ex-mulher do engenheiro e ex-prefeito Marcus Alexandre, a petista de carteirinha Cíntia Cristina Médici Aguiar, foi agraciada com cargo em comissão de gestora administrativa. Cintia apagou a sua conta pessoal no Facebook. As nomeações contrariam ordens expressas do governador Gladson Cameli.

Rennan Biths, diretor de Planejamento da Segurança de Tiao Viana, ocupa agora o cargo de gestor dos contratos de Operação de Crédito na mesma secretaria. Marcos Otsubo, secretario de Habitação na gestão do PT, está nomeado gestor Financeiro da Seplan. Os decretos de nomeação são assinados pelo secretário de planejamento, Rafael Bastos, que num passado não muito distante balançava as bandeiras vermelhas no mercado velho e pedia votos para os candidatos petistas. Francisco David, irmão da esposa de Rafael Bastos, exerce a função de consultor, com salário superior a R$ 10 mil. O mesmo salário é pago ao também consultor Andrey Macedo, parente em primeiro grau dos irmãos viana. Ambos não são servidores efetivos.

Anderson Mariano, ex-diretor Administrativo do Depasa e braço direito do deputado de oposição eleito, Edvaldo Magalhães (PCdoB), aguarda nomeação em cargo de gestão. Da mesma forma, Átila Pinheiro, que era secretário de Obras do governo Tião Viana, deve ser nomeado diretor de divisão ou mesmo gestor na Seplan.

O secretario de Planejamento tem dito que “todos são funcionários de carreira e competentes”, o que, na sua opinião, “justifica todos em cargos de chefia”.
Os funcionários que nao tem apadrinhados assistem atônitos, sem poder fazer nada, foram sobrecarregados de trabalhos, sem insentivo algum e cobrados pelo secretário e seus aliados justificando que essa é a politica do Governador Gladson de valorização do funcionário, enquanto ele e seus gestores ex- pt ja nomeados, riem aos quatro cantos…

Esta semana aproveitando que o governador Gladson estava em agenda em Rondônia, alguns ja foram nomeados no diário oficial (veja as ilustrações acima). Fontes consultadas pela reportagem disseram que irão sugerir ao governador Gladson cameli uma auditoria nas gerenciadoras e contratos de consultoria da Seplan.

O acjornal trará ainda neste sábado a versão providencial do porta voz do governo sobre o assunto.

Deixe uma resposta