Marqueteiros que tentaram destruir Gladson disputam mídia milionária no novo governo

1

A Companhia de Selva, agência dos multimilionários David Sento Sé e Gilberto Braga, disputará a conta de publicidade do Governo Gladson Cameli. Os marqueteiros serviram aos governos Jorge Viana, Binho Marques e Tião Viana, nos 20 anos de hegemonia do PT no poder. E tentam voltar à cena após uma tórrida campanha para destruir politicamente o senador que virou governador no Acre. A Cia de Selva chegou ao Acre trazida pelo governo Orleir Cameli.

A dupla de marqueteiros curte quarentena em suas aprazíveis propriedades, nos Estados Unidos e no Nordeste brasileiro. O desmonte do escritório em Rio Branco, antes anunciado, não se efetivou. O ex-governador Tião Viana, ao deixar o Palácio, aditivou o contrato até 15 de março deste ano, numa clara manobra para forçar Gladson Cameli a utilizar os serviços da agência. Advogados do governo estudaram rescindir unilateralmente o contrato, mas esbarraram em cláusulas financeiras intransponíveis. 

Somente no mês de março a Secretaria de Comunicação repassou R$ 1.096.000,00 á Cia de Selva, que fez distribuições ainda questionáveis aos chamados “parceiros” de mídia. O Portal de Transparência do governo não detalha quanto recebeu cada veículo de comunicação e quais os critérios adotados para contemplar um ou outro, em detrimento de muitos outros. 

Também disputará o controle pela verba (R$ perto de R$ 6 milhões, em contrato de 12 meses) a PWS, agência que já detém a conta da Câmara Municipal de Rio Branco. A empresa tem bem menos tempo de experiência no mercado, mas isso se torna um detalhe minúsculo. É gerenciada pelo publicitário Rodrigo Pires e tem como sócio o empresário Marcello Moura Esteves, controlador do Grupo Recol, que compreende a TV Gazeta (afiliada da Record), rede de supermercados e farmácias, concessionários de motos e automóveis, e a distribuidora de mesmo nome que abastece boa parte dos hospitais públicos do estado. 

Ascom – MPF

1 COMENTÁRIO

  1. Marqueteiro é igual a técnico de futebol. Tem que “puxar brasa” para o time que está comandando. David e Gilberto foram trazidos pelo ex-governador Orleir Cameli e justiça seja feita, os caras são bons. Se permanecerem com contrato no governo terão que fazer jus ao compromisso assumido. O que passou, passou…. vida nova, governo novo!

Deixe uma resposta