Datafolha: 4 em 10 não conseguem citar medida positiva de Bolsonaro em seis meses de governo

Para 4 em cada 10 brasileiros, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) não fez nada de muito positivo ou que mereça destaque em seus seis primeiros meses de governo, aponta pesquisa Datafolha, realizada nos dias 4 e 5 de julho e divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo nesta segunda-feira (22/07/2019).

Ou seja, 39% dos entrevistados responderam “nada” quando perguntados o que o presidente teria feito de melhor até então. A resposta foi dada livremente, pois não foram concedidas opções aos entrevistados.

O percentual sobre para 45% entre mulheres e pessoas com apenas ensino fundamental, para 46% entre negros, para 47% no região Nordeste do país e 52% entre adeptos de religiões de matrizes africanas.

O número é maior (76%) entre quem avalia o governo como ruim ou péssimo. Entre os que afirmam que votaram em Jair Bolsonaro no segundo turno, 17% disseram não ter nada a destacar de muito positivo.

Dos que responderam, os entrevistados listaram os temas segurança (8%), reforma da Previdência (7%) e fim da corrupção (4%) como os principais avanços do governo Bolsonaro. O fim do horário de verão foi apontado por 1%.

Por outro lado, quando questionados sobre o que Bolsonaro teria feito de pior durante o período mencionado, 21% citou o Decreto das armas. A reforma da Previdência vem logo em seguida, com 12%. Na ocasião, 19% disseram não saber e 18% disseram “nada”.

Metropole

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui