No menu items!
26 C
Rio Branco
segunda-feira, outubro 26, 2020

Gladson e Semírames renegociam dívidas do governo anterior e chamar concursados depende de ajustes na LRF; “boas notícias em breve”

Últimas

Jornalista afirma que assessores de Jéssica Sales também espalham Fake news para atacar governador Gladson Cameli

Leandro Altheman, jornalista na região do Juruá, costuma fazer publicações contra o que chama de velha política. O jornalista afirma que as fakenews contra o...

Novos talentos: jornalista promove incentivo e premiação para crianças

A jornalista e apresentadora do canal ARTISTA EM FOCO, no YouTube, Katiussi Melo, organizou uma programação especial nesse mês de outubro, em comemoração ao...

Polícia Federal usará drones para fiscalizar eleições no Acre

A Polícia Federal usará DRONES durante as eleições a fim de auxiliar os policiais na prevenção e repressão de crimes eleitorais. Visando aumentar a segurança...

Além de amantes, prefeito Bira, de Xapuri, paga comissionados fantasmas que fazem Medicina na Bolívia

Além de duas supostas amantes do prefeito Bira Vasconcelos, pelo menos quatro estudantes de Medicina na Bolívia estariam incluídos na lista de funcionários fantasmas. Eles...

No PSL do Acre, candidato com mais potencial recebe mais fundo partidário

Se engana quem pensar que o candidato mais pobre terá maior repasse do fundo partidário para tocar sua campanha. Esse critério passou longe das...

“Estamos em Brasília para uma série de agendas relacionadas à economia, saúde e segurança. Ao lado dos secretários Ricardo França, Semírames Dias e Maria Alice, acabei de me reunir com a subsecretária de Relações Financeiras da Secretaria Nacional do Tesouro, Priscila Santana. Conversamos sobre o teto de gastos e a renegociação das dívidas do Estado. Estamos muito confiantes, ao que tudo indica, na próxima semana teremos boas notícias sobre este assunto”, escreveu em sua pagina no Facebook o governador Gladson Cameli, nesta terça-feira.

O objetivo maior do governador é obter uma certidão que declara o Acre livre de dívidas. Esta é a condição para impor investimentos em todas as áreas de governo, inclusive na Infraestrutura, com um aporte financeiro já garantido na ordem de R$ 1,2 bilhões.

Cameli prefere não polemizar as dívidas herdadas do governo anterior. Os advogados do governo avaliam como foram os gastos e tentam moralizar os pagamentos. Para o governador, a convocação dos concursados da Educação e das polícias depende de um ajuste que precisa ser feito para atender a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

“Fico observando os críticos e o que eles dizem a esse respeito. Mas eles não compreendem que  qualquer decreto nomeando os concursados será declarado nulo neste momento. Como eu disse, na próxima semana, estaremos anunciando boas novas, se Deus quiser, até por que os investimentos que o estado precisa dependem desses ajustes também”, declarou.




- Advertisement -

Mais notícias