No menu items!
29 C
Rio Branco
segunda-feira, setembro 28, 2020

Ex-miss acre tem matrícula no curso de medicina rejeitada

Últimas

Condenado a mais de um século de prisão, principal matador do B13 volta ao banco dos réus

Condenado a mais de um século de prisão por diversos crimes, principalmente assassinatos, Saymon Wallace do Nascimento Fonseca voltou ao banco dos réus nesta...

Deputada aliada de Bolsonaro “pinta” Moro e Mandetta de preto e é acusada por racismo

A deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) foi acusada nas redes sociais de racismo, após publicar uma montagem com fotos dos ex-ministros Sergio Moro e...

Trump passou 10 dos 15 anos anteriores à eleição sem pagar imposto de renda

NOVA YORK — O jornal americano New York Times publicou neste domingo trechos daqueles que eram considerados um dos segredos mais bem guardados do...

Gestor que descobriu corrupção na Sehab e provocou a Operação Lares propõe mandato linha dura como vereador de Rio Branco

Pulso firme e linha dura, eis o perfil do candidato a vereador por Rio Branco, Marcos Mustafa (PSC). Foi ele quem, em 2013, iniciou...

Prepare-se: preço do arroz vai continuar subindo até março de 2021, diz presidente da Associação dos Supermercados do Acre

O empresário Aden Araújo fez uma previsão sobre os sucessivos reajuste no preço do arroz no Acre, na tarde desta sexta-feira. São projeções nada...

A ex-miss Acre Hyalina Farias teve a matrícula no curso de medicina da Universidade Federal do Acre rejeitada. Hyalina tinha conseguido ingressar no curso após ser classificada na segunda chamada do Exame Nacional do Ensino Médio do ano passado na vaga destinada a deficientes físicos.
A ex-miss alegou ter alto problemas de visão (elevado grau de miopia) e ser de baixa renda.
O caso teve grande repercussão e foi destaque ate em sites nacionais.

De acordo com o relatório da UFAC no item 59.2 . Não ficou comprovada a existência de deficiência elegível para a poitiva de ação afirmativa.

 




- Advertisement -

Mais notícias