No menu items!
28 C
Rio Branco
sábado, setembro 26, 2020

Gladson jamais disse que demitiria Maria Alice. Enquanto ela sai atirando, governador agradece e enaltece sua competência

Últimas

Prepare-se: preço do arroz vai continuar subindo até março de 2021, diz presidente da Associação dos Supermercados do Acre

O empresário Aden Araújo fez uma previsão sobre os sucessivos reajuste no preço do arroz no Acre, na tarde desta sexta-feira. São projeções nada...

“Vi muitos abusos sexuais em grupos da Ayahuasca”, diz antropóloga

Carlos Minuano Colaboração para o TAB A cientista Bia Labate se diz uma vítima de condições desafiantes no Brasil. A antropóloga brasileira foi morar na Califórnia...

Quem atenta contra as normas de segurança alia-se à Covid no “ataque” à saúde pública e à Nação

Com mais de 105 mil mortes no total, cerca de mil óbitos e 45 mil novos casos por dia, a Covid-19 segue ameaçando de...

Decano do STF, Celso de Mello antecipa aposentadoria para outubro

O ministro Celso de Mello, que tinha aposentadoria agendada para novembro, comunicou à presidência do Supremo Tribunal Federal (STF) que antecipará a data para...

PF incinera quase meia tonelada de drogas em Cruzeiro do Sul

A Polícia Federal em Cruzeiro do Sul/AC incinerou, ao final da tarde de quinta-feira (23/09/20), quase meia tonelada de drogas. O montante destruído é...

A engenheira civil Maria Alice, prima do deputado federal Flaviano Melo, está exonerada. Saiu no Diário oficial desta quinta-feira. Ela própria pediu para deixar o governo. E saiu atirando, alegando interferências externas em seu trabalho. Alice não podia ter sido mais leviana. Omitiu o verdadeiro motivo: a pré-candidatura própria do MDB à Prefeitura de Rio Branco, sendo, portanto, insustentável a permanência do grupo emedebista num governo que deu sustentabilidade à legenda, atendeu aos pedidos por cargos em primeiro e segundo escalões e se manteve parceiro nesses 14 meses de gestão.

A verdade: Gladson pediu, sim, a todos os secretários, que desmembrassem decisões. Ou seja, que a descentralização de poder nas repartições trouxesse rapidez na execução de obras e serviços. Todos entenderam o recado, menos Maria Alice.

Ainda assim, o governador emitiu nota, nesta quinta-feira, agradecendo a contribuição de Maria Alice como secretária de Planejamento. Aos bons entendedores, basta a certeza de que gratidão não é virtude dos covardes.

Leia a nota abaixo:

NOTA PÚBLICA

O Governo do Estado do Acre vem a público declarar gratidão, respeito e admiração pela engenheira civil, Maria Alice de Araújo, que durante um ano e dois meses desempenhou com honra e competência o cargo de secretária de estado de Gestão, acumulando ainda a função de secretária de estado de Planejamento, e dessa maneira contribuindo para o projeto de desenvolvimento do governador Gladson Cameli para o estado do Acre.

A exoneração da secretária deu-se por iniciativa da própria, tendo a administração pública o dever de respeitar e desejar a nobre Maria Alice de Araújo ainda mais sucesso em sua carreira profissional.

O Governo do Estado do Acre segue com seus desafios diários, muitos herdados do passado, outros naturalmente impostos por uma sociedade em movimento, que vive um presente trabalhando e pensando um futuro que ofereça dignidade e cidadania para todos.

Com o apoio, a dedicação e compromisso de todos seguiremos, e assim alcançaremos o Acre de paz e progresso que tanto sonhamos.

Gladson de Lima Cameli
Governador do Estado do Acre




- Advertisement -

Mais notícias