Estado planeja usar Arena e 109 leitos do PS para pacientes com coronavírus

O secretário de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), Alysson Bestene, anunciou nesta terça-feira, 31, que o Governo do Estado já estuda montar um hospital de campanha no estádio Arena Acreana, e que a verticalização do Pronto-Socorro de Rio Branco poderá ser esvaziada para tornar-se referência no tratamento de pacientes com Covid-19 no Acre.

Secretário de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), Alysson Bestene visitou o estádio nesta terça Foto: Odair Leal/Secom.

Atualmente, no 5º andar do prédio de seis andares, inaugurado pelo governador Gladson Cameli em agosto do ano passado, duas pacientes se recuperam da infecção por coronavírus.

“O nosso plano de ação contempla a instalação de um hospital de campanha aqui e a retirada de todos nossos pacientes do PS para a Fundação Hospitalar do Estado do Acre, se a necessidade for essa”, afirmou Bestene na Arena da Floresta, em mais uma ação do governo para ganhar tempo com a pandemia, antes da possibilidade de uma explosão de casos graves nas próximas duas semanas. Mais cedo, ele entregou aparelhos respiratórios no Hospital da Criança.

Hospital de campanha poderá ser montado dentro do estádio durante pandemia Foto: Odair Leal/Secom

Com relação ao Pronto-Socorro, a ideia é que os 109 leitos totais do hospital sejam destinados a pessoas em estado grave e para aquelas que precisem de UTIs num pior cenário da pandemia, que poderá eclodir em quinze dias, se as pessoas não continuarem em quarentena dentro de suas casas.

Hoje, a UPA do Segundo Distrito, unidade de referência para pacientes com Covid-19, oferece 40 leitos para atendimento a pessoas em estado moderado, enquanto que o PS tem 10 leitos de UTIs no 5º andar, sendo que 2 deles já estão sendo utilizados por duas pacientes, uma de 37 e outra de 77 anos.

No 4º andar, outros 33 leitos, entre UTIs e semi-intensivos também podem ser convertidos rapidamente para casos de contaminação por Covid-19, segundo o secretário.

Hospital modular na Arena

Acompanhado do secretário de Esportes, Junior Santiago, o secretário de Saúde, Alysson Bestene, afirmou que a estrutura da Arena Acreana é ideal para receber um hospital de campanha modular, que possa alojar centenas de pacientes.

Espaço poderá receber centenas de pacientes Foto: Odair Leal/Secom.

Neste momento, estão sendo preparadas também dez UTIs, a exemplo das dez já existentes no Pronto-Socorro, no Instituto de Traumatologia e Ortopedia de Rio Branco, o Into, enquanto que o governo aguarda outros dez equipamentos de UTIs do governo federal para serem instalados rapidamente em quaisquer leitos de hospital.