No menu items!
27 C
Rio Branco
sexta-feira, dezembro 4, 2020

Com 9 casos de Covid-19, Acrelândia proíbe visitantes: todos em casa entre 19h e 05h

Últimas

Nicolau Junior parabeniza Ronald Polanco pela presidência do Tribunal de Contas do Acre

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (Progressistas), em nome da mesa diretora e todos os deputados, parabenizou o novo...

Bocalom, o todo poderoso da vez, não emplaca o Produzir Para Empregar se não quiser

O jornalista Altino Machado e o ex deputado Luiz Calixto lembram o invejável rol de apoiadores de Bocalom, em comentários bem festejarmos na rede...

Ismael Tavares pode ser o novo presidente do Podemos em Rio Branco.

Filiado no PODEMOS-AC, Ismael Tavares é o preterido do Vereador eleito Arnaldo Barros para presidente do diretório municipal do partido em Rio Branco. Ele...

Inimigo da educação: Bolsonaro enfraquece Fundeb e professores ficarão sem reajuste em 2021

A Portaria interministerial 3, do governo Bolsonaro, que altera a gestão do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos...

“ Musa Fitness do crime” volta às redes sociais, cita Deus, vira ré e fica frente a frente com juiz

Presa em flagrante no dia 26 de agosto deste ano pelo crime de tráfico de drogas, Ivanna Alencar de Souza, que ficou conhecido como...

As forças policiais estão alertadas a agir contra qualquer cidadão que esteja nas ruas entre 19h e 05h. O toque de recolher, instituído em decreto municipal, vale a partir desta quarta-feira. O município registra nove casos de Coronavírus, uma incidência considerada muito alta diante do tamanho da população local.

No município também valem as medidas de isolamento social constantes no decreto assinado elo governador Gladson Cameli. Porém, a exemplo de outras cidades, muitos populares teimam em descumprir as normas e pôr em risco suas vidas.

Os chamados serviços essenciais estão permitidos dentro do horário do toque de recolher. Mas somente isso.
O prefeito da cidade entendeu que era necessário ir além. Assim, ele proibiu a entrada de cidadãos que não morem em Acrelândia, vindos de outras cidades, estados ou países. Ônibus que fazem transporte de passageiros nas linhas intermunicipais e interestaduais também não entram em Acrelândia.




- Advertisement -

Mais notícias