Açougueiro monitorado por estupro a vulnerável é executado enquanto trabalhava, em Rio Branco

O açougueiro Vando Cunha de Oliveira, de 35 anos, foi executado a tiros enquanto trabalhava, por volta das 7h40 da manhã desta sexta-feira, 29, dentro de uma casa de carne localizada na Rua Antônio Souza Araújo, no Bairro Plácido de Castro, região da sobral.

Testemunhas disseram à polícia que a vitima estava cortando carne quando o criminoso entrou e deu ordem para que ele deitasse no chão. Um ajudante também estava na cena do crime. Sem falar nada, o criminoso executou Vando com dois tiros, sendo um deles na cabeça.

Em seguida o assassino fugiu a pé. Ele portava um revólver calibre 38.

Vando era preso monitorado e cumpria pena por estupro de vulnerável.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui