No menu items!
21.3 C
Rio Branco
quarta-feira, junho 16, 2021

Prefeitura de Epitaciolândia será ressarcida em R$ 134 mil por compra de remédios superfaturados

spot_img

Últimas

Prefeitura de Epitaciolândia, atenta às recomendações do Tribunal de Contas do Estado já havia, desde o dia 27 de dezembro de 2018, estabelecido termo de compromisso com a empresa Biolar, para ressarcimento aos cofres daquele município de um total de R$ 134.227,60 relativos a sobrepreço comprovado na compra de medicamentos da citada empresa. A compra original, no valor de R$ 285. 302,28, ficou assim firmada em R$ 133.831,32, sendo acrescidos ainda R$ R$ 465,60 em outra planilha.

Desta forma, o prefeito Tião Flores havia se antecipado à operação da Polícia Federal que apura desvio de dinheiro para a compra de medicamentos pelas prefeituras do interior. O termo foi assinado pelo gestor e por Antônio Ivo Campos, representante da empresa Biolar.

No temo de ajuste é possível observar sobrepreços de até 100% em vários medicamentos, o que foi alinhado pela prefeitura. Exemplos de produtos que tiveram preços cortados foram a cefalexina, que teve a compra realizada pelo valor de R$ 1,60 a cápsula, corrigido depois para R$ 0,80, a metade do preço original.

A solução oral de Albendazol teve o preço de entrega em R$ 3,63, caindo posteriormente, no termo de ajuste, para R$ 2,24. Só neste medicamento, a prefeitura arrecadou de volta R$ 2.145,00.

O comprimido de Captopril teve o preço reduzido de R$ 0,13 para apenas R$ 0,05. A Dexametazona, elixir de 100 ml, caiu de R$ 7,10 para R$ 2,63. O Ibuprofeno, solução oral, de R$ 6,16 para R$ 2,01. Dezenas de medicamentos tiveram preço reduzido.

Ficou acertado que a restituição seria feita em medicamentos, de acordo com o novo preço estipulado durante o tempo de vigência do referido contrato.

Fonte: O Alto Acre




- Advertisement -spot_img

Mais notícias