TCE: Denunciado pelo acjornal, presidente do Depasa é investigado por pagar empresa da esposa

Denunciado pelo ACJornal, o diretor presidente do Depasa, Sebastião Fonseca, passa a ser investigado pelo TCE – Tribunal de Contas do Estado do Acre, por beneficiar empresa da esposa com pagamento, supostamente irregular.
No dia 23 de abril noticiamos a manobra de Tião Fonseca, que deixou o estoque de material químico utilizado para tratar água potável vazio, mas achou R$ 561.8 mil, recursos próprios para pagar a empresa da esposa que presta serviços para o órgão.
Bucar Engenharia e Metrologia Eirelli, e tem como sócia proprietária a senhora Delba Nunes Bucar, que não poderia ter recebido o pagamento com recursos de arrecadação própria.
O que mais chamou atenção foi que a negligência de optar por pagar a empresa da família e não adquirir os produtos químicos, ocasionou desabastecimento de água em Rio Branco, gerando desgastes ao governo e reclamações da população. O DEPASA deixou faltar água no Presídio Francisco de Oliveira Conde, o que gerou um motim que quase acaba em tragédia, onde 50 detentos ficaram feridos depois de os Policiais Penais executarem uma ação para evitar a fuga.
PROCESSO N° 137.331-TCE/AC foi publicado no Diário Eletrônico e tem a conselheira Naluh Gouveia como relatora;
CITAÇÃO
FINALIDADE: De Ordem da Senhora Conselheira Relatora, CITAR o Sr. SEBASTIÃO AGUIAR FONSECA DIAS, no prazo de 15 (quinze) dias, para apresentar defesa, documentos e/ou quaisquer outros esclarecimentos que julgar pertinente no que diz respeito às irregularidades/falhas apontadas no Relatório Técnico Preliminar de fls. 43/47.

OBSERVAÇÃO: O Relatório Técnico mencionado neste expediente está disponibilizado no endereço eletrônico http://app.tce.ac.gov.br/portaldogestor, cujo acesso deve ser feito com usuário e senha regularmente utilizados para acesso aos Sistemas deste Tribunal de Contas, bem como nos autos eletrônicos que estão no Sistema de Processo Eletrônico, disponibilizado no mesmo endereço para vista, consultas e eventuais cópias. ADVERTÊNCIA: Não sendo oferecida defesa, a parte citada sujeitar-se-á aos efeitos da revelia nos termos do
Artigo 48, §3º, da LCE nº 38/93.

Sebastião Fonseca é indicado ao cargo que ocupa pelo senador Márcio Bittar – MDB que tem feito esforço para segurar seu afilhado no governo. O governador já tem um indicativo de exoneração para o diretor da autarquia, que até aqui tem sido o maior responsável por trazer pautas negativas a gestão de Gladson Cameli.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui