Após assinar óbitos, médico relata desespero no Huerb e alerta: “continue fazendo festinhas que eu te vejo aqui no plantão”

Abaixo, o relato do médico Ricardo Teles, durante plantão neste domingo no Hospital de Urgência e Emergência (Huerb). “Tudo que plantamos, feliz ou infelizmente colhemos”, diz num post na sua rede social  

Leia abaixo a transcrição:

 

O Plantão hoje não está fácil amigos.
Na imagem ao fundo e a direita vemos um paciente Pós Parada Cardio-Respiratória, que realizamos agora a pouco as manobras de RCP (Reanimação Cardio-Pulmonar) e uso de DVA (Medicações Vaso-Ativas) com sucesso e revertida provisoriamente.
Mas sabe de uma coisa, o Plantão não é feito só de notícias boas e finais felizes.

Nós já assinamos Óbito hoje de paciente Vítima dessa Pandemia por Covid-19.

E eu, longe de ser um Herói,
Me senti impotente e inútil por não ter o “poder” de trazer todos os que reanimamos de volta à vida.
Acho que isso nos define como limitados, mortais, carentes da Graça Divina.

E VOCÊ AINDA CONTINUA FAZENDO FESTINHAS E RESENHAS nos Postos de Gasolinas, nas Chácaras, nas Casas dos Amigos, praças, campos de futebol?? Quer saber de uma coisa?
Nossas ações sempre geram consequências, as vezes boas, outras não.

Tudo que plantamos, feliz ou infelizmente colhemos.
O que você tem plantado pra você, pra sua família e para seus amigos?

Eu queria muito, não ter que te receber como paciente por aqui e nem algum parente seu, vítima de sua irresponsabilidade.
Não porque não ache que você mereça ser atendido. Mas porque quero que você viva. Eu queria que você se desse conta da realidade, se tornasse mais responsável e nos ajudasse a encarar tudo isso.

Sozinhos não vamos conseguir, precisamos de vocês.

PRECISAMOS DE VOCÊ!
.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui