PT e Roberto Duarte usam vereador e ex-foragido da justiça, incentivam quebra-quebra e o MP não faz nada

Não houve qualquer medida do Ministério Pública contra a ameaça do vereador Juruna de mandar quebrar os comércios que permanecerem abertos nesta segunda-feira – data prevista para uma manifestação em frente da Prefeitura de Rio Branco. O parlamentar vem sendo usado pelo deputado Roberto Duarte Júnior, pré-candidato a prefeito pelo MDB.

 

Em áudio, o vereador diz: “eu quero todo camelô lá. Aquele que tentar abrir nas costas nós vamos agir cm todo rigor. Vou escolher uns quatro meninos aí para quebrar, pra fechar a loja de camelô que estiver aberta. E eu assumo em baixo”.

Ele foi condenado a 9 ano por tráfico de influência e corrupção ativa. A sentença foi anulada e o caso não está encerrado.

Duarte chegou a gravar com empresários, em praça pública, durante manifestação na semana passada, defendendo a abertura do comércio mas sem alertar sobre os riscos. O deputado atende a pressões da Associação Comercial.

É o poder pelo poder. O lucro pelo lucro.

E a vida e a saúde das pessoas?

A prefeita Socorro Neri está embasada nos protocolos da OMS e segue o Pacto Acre sem Covid, decretado pelo Governo do Estado, e que orienta para a saída da crise por meio dos cuidados pessoais que cada cidadão deve ter neste momento.

Aglomerações e reabertura irresponsável de atividades comerciais seriam um caos maior ainda.

O jogo é desgastar a imagem da prefeita, sem considerar a evolução dos casos de coronavírus e o aumento diário de mortes provocadas pela doença.

As manifestações vêm sendo articuladas também por correntes do que se encarregaram de produzir até faixas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui