R$ 2,3 milhões: fornecedor do Depasa tem como representante a chefe de Orçamento do Saerb

O presidente do Depasa, Sebastião Fonseca, homologou licitação de R$ 2,3 milhões destinada à aquisição de materiais para instalar um conjunto de motorbomba para o Sistema de Captação de Água Bruta desde o Rio Acre. O proprietário da empresa vencedora tem como razão social as iniciais L. O. – nome completo de Leonardo Otsuka Campos, um garoto que concluiu o Ensino médio pela turma 301 do Instituto São José em 2015. Hoje, com prováveis 20 anos de idade, ele vence o que seria a maior licitação de sua vida, e tem como representante legal, dentro do governo, nada menos que a comissionada Sandra Cristina Souza Santos, chefe do Setor de Contabilidade e Execução orçamentária do Serviço de Abastecimento e Esgoto de Rio Branco. Saerb e Depasa têm a mesma função de cuidar do sistema de água e esgoto.

Leonardo e Cristina aparecem como proprietário e representante legal, respectivamente, da L. O. Campos, com consulta feita pela reportagem ao quadro de sócios da empresa (veja acima).

No ano passado, Cristina foi nomeada responsável perante os órgãos de fiscalização, controle interno e externo, a fim de dar transparência às prestações de contas do Saerb.

Mas ele não poderia figurar como parte interessada na sociedade que venceu a licitação, especialmente por chefiar um setor que tem todas as informações sobre custos de serviços e orienta pagamentos com dinheiro público.

É caso para exame urgente pela Controladoria Geral do estado e, se houver boa vontade, investigação pelo Ministério Público do Acre.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui