No menu items!
23.6 C
Rio Branco
sexta-feira, novembro 27, 2020

Jebert e Jamyl discutem possível aliança visando as eleições deste ano

Últimas

PSDB é acusado de usurpar o CNPJ de partido aliado na coligação pró Minoru Kinpara; entenda

O PSDB do Acre é acusado de usar indevidamente o CNPJ do Cidadania, partido aliado na coligação que tentou eleger o professor Minoru Kinpara...

Júri condena a 26 anos taxista que deixou namorada inválida, mais multa de R$ 100 mil

O Conselho de Sentença da 2ª Vara do Tribunal do Júri decidiu pela condenação do taxista Luiz Felipe Santos de Azevedo. O réu foi...

Internada, deputada é o 15ª caso de reinfecção por Covid no Acre investigado em laboratórios do Sul

Internada no hospital Santa Casa de Misericórdia em Rio Branco desde a última quarta-feira com quadro preocupante de Covid, a deputado Meire Sarafim (MDB)...

Rio Branco: faltando três dias para o 2º turno, eleitor já pode consultar seu local de votação

O eleitor de Rio Branco pode consultar o local onde deverá votar no dia 29 de novembro, data do segundo turno da eleição. O...

Começa o julgamento de taxista que tentou matar a ex-namorada; vítima ficou em estado vegetativo

Teve início as 8h40h da manhã desta quinta-feira, 26, o julgamento do taxista Luiz Felipe Santos de Azevedo, acusado pela tentativa de feminicidio contra...

Em meio a movimentação política envolvendo os principais partidos acreanos, como por exemplo a ida do vice-governador Werles Rocha para o PSL e a provável ida do governador Gladson Cameli ao PSDB, os pré-candidatos à Prefeitura de Rio Branco, Jebert Nascimento (Republicanos) e Jamyl Asfury (PSC), estiveram reunidos na manhã desta sexta-feira (31), para debater sobre o cenário político para as eleições municipais deste ano e os desafios da capital que a próxima gestão enfrentará.

No entanto, em meio ao cenário Conturbado sobre as candidaturas majoritárias de Socorro Neri e Minoru Kimpara, Jamyl e Jebert entendem que precisam pensar em uma estratégia para não ficarem para trás e continua no páreo do pleito eleitoral. Na conversa, não ficou descartado uma aliança dos dois partidos em prol de um projeto coeso e eficiente para Rio Branco, essa aliança ode ser em um provável segundo turno.

A reunião que contou com a presença do deputado estadual Fagner Calegário, teve o objetivo de discutir o novo calendário eleitoral, ideias para trazer maior eficiência à gestão pública e os obstáculos diante à pandemia.

Nascimento destacou na oportunidade sua vivência de mais de 20 anos como empresário no Estado e como a experiência que ele tem na iniciativa privada pode ser aplicada na administração pública.

“Democracia é isso. Mesmo que sejamos concorrentes diretos, sentamos e trocamos várias ideias sobre a nossa querida cidade e os problemas que precisam ser solucionados de forma urgente. A política diferente e saudável se faz assim: você ouve a perspectiva do outro campo ideológico por mais que ele seja diferente. Agradeço a visita que o Jamyl nos fez”, declarou Nascimento.

Na opinião de Jamyl Asfury, a candidatura do empresário acreano surge como uma nova alternativa de projeto para que os rio-branquenses tenham opções qualificadas no momento da escolha no pleito. Ele considera que tanto a própria candidatura como a do adversário têm potencial para crescer, se espalhar por todos os bairros de Rio Branco.

“Jebert tem sido um destaque nesse cenário que está se pondo. Creio que nossas candidaturas tendem muito a se fortalecer caso nós consigamos, ao final, caminhar no mesmo palanque. No entanto, sabemos das dificuldades que existem e que virão mais à frente. A única definição de aliança foi apoio mútuo caso algum de nós chegue ao segundo turno, o que é muito importante nessa etapa”, salientou Asfury.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui