Em nota, PT diz que Minoru Kinpara, ex-presidente do partido, é mentiroso

Nota de esclarecimento
Em referências as declarações do ex-presidente do PT Minoru Kimpara

O ex-presidente do PT/AC, Minoru Kimpara, atual pré-candidato a prefeito de Rio Branco pelo PSDB, pisoteia sua história e mente abertamente em entrevista quando alega que saiu do PT em 2018 por decorrência de escândalos no partido.

Em primeiro lugar: o PT não aceita tais acusações e tem provado sua inocência mesmo diante de um aparato conspiratório que envolve processos altamente viciados.

Em segundo lugar: O PT tem sido brutalmente atacado, diariamente, pela mídia nacional desde sua fundação em 1980. Acusar o PT de escândalos foi a única forma que o aparato miliciano, hoje instalado no Brasil, encontrou de tomar o poder central e justificar o golpe jurídico/midiático/político e o fascismo imposto pelo bolsonarismo.

Em terceiro lugar: a saída do ex-petista se deu, única e exclusivamente, por não haver espaço para que o mesmo pudesse disputar uma eleição majoritária pelo PT nas eleições de 2018.

Ao falar de corrupção, vamos lembrá-lo que está filiado ao PSDB, partido dos corruptos Aécio Neves, José Serra, Gerado Alckmin, Beto Richa e do vice-governador Major Rocha. Partido acusado como autor da Privataria Tucana, dos escândalos do Banestado, do metrô de São Paulo, dentre tantos outros.

Vale ressaltar que Minoru esquece ou finge esquecer que foi eleito reitor, por duas vezes, com apoio do PT e que toda a sua gestão à frente da UFAC foi custeada por investimentos liberados pela presidenta Dilma do PT, ou por programas criados pelo PT, tais como o Reuni, que permitiu a ampliação dos campi da UFAC bem como de seus cursos.

Além disso, o ex-reitor sempre contou com o auxílio dos petistas para o diálogo com o governo federal, com direito a fartas emendas desses parlamentares, com destaque para o ex-deputado federal Sibá Machado. Estes investimentos dos governos petistas e de nossos parlamentares foram decisivos para a sua gestão na Ufac.

Respeitamos a historia que Minoru Kimpara construiu no PT, somos gratos a sua contribuição, mas, não permitiremos que, em nome de uma disputa eleitoral em virtude da qual ele alega, cinicamente, não estar disposto a abrir mão de princípios, que ele faça declarações oportunistas e levianas em face de seus antigos aliados.

Um bom debate, como ele mesmo frisou, tem que respeitar princípios! E um dos principais princípios da política deve ser falar a verdade e falar a verdade começa com o respeito à história.

Direção Estadual do PT/Acre
Direção Municipal do PT de Rio Branco

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui