No menu items!
23 C
Rio Branco
sexta-feira, outubro 30, 2020

Começa julgamento dos acusados pela morte de turista paulista, em Rio Branco

Últimas

Thomazini defende reabertura das academias em Rio Branco. “Atividade assistida não impõe riscos”

Candidato a vereador em Rio Branco, Alexandre Thomazini, defende o reenquadramento urgente das academias na classificação de risco Laranja por existir provas científicas concretas...

Pesquisas eleitorais bancadas por institutos crescem em meio a suspeitas de fraudes. Conheça as histórias

Fonte: O Globo Enquanto os olhos do TSE estão voltados para o combate à desinformação, um esquema capaz de influenciar os resultados eleitorais cresce a...

Assembléia Legislativa decreta Ribamar Trindade o novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado

A mesa diretora da Aleac, por meio de decreto legislativo, referendou o nome do secretário da Casa Civil, Ribamar Trindade, para o cargo vitalício...

CCJ da Aleac aprova Ribamar Trindade para conselheiro do Tribunal de Contas. Plenário fará última votação

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembléia Legislativa aprovou há pouco o nome do secretário da Casa Civil, Ribamar Trindade, para o...

Pesquisas não refletem o que sentimos nas ruas, diz Jarbas Soster

O empresário Jarbas Soster se disse surpreso com  as pesquisas publicadas nos últimos dias em Rio Branco. O candidato diz confiar muito mais na...

Teve inicio às 9 horas desta segunda-feira, na 1ª Vara do Tribunal do Júri, o julgamento dos dois acusados pela morte do turista Mauricio Silva.

Suzeudo Alves do Nascimento e Walesson Luiz de Abreu de Souza estão no banco dos réus para responder pelos crimes de homicídio qualificado e por fazer parte da facção Comando Vermelho.

O turista Mauricio Silva foi assassinado com pelo menos 10 facadas na região conhecida como Papoco, em 3 de fevereiro de 2019. A vitima foi encontrada em roupas caída em via publica.

Mauricio que era natural de São Paulo estava hospedado em um hotel localizado na Rua Floriano Peixoto, desde 26 de janeiro.

No inicio a policia trabalhou com a versão de latrocínio – roubo seguido de morte, mas no decorrer da investigação foi confirmado o homicídio.

Um mês depois Suzeudo Alves do Nascimento foi preso por policias da Dcore. O segundo envolvido, Walesson Luiz foi preso em Sena Madureira pela Polícia Civil.
A previsão é que o Júri termine por volta das 16 horas desta segunda-feira.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui