No menu items!
24 C
Rio Branco
sábado, outubro 24, 2020

Pesquisa em Tarauacá exclui menino da bicicleta e vendedora de picolé e propõe “pagar para aparecer”

Últimas

Gladson busca apoio do Exército para ofertar água potável em comunidades indígenas e ribeirinhas

Da Secom Os esforços do governador Gladson Cameli para melhorar a qualidade de vida da população acreana não param. Cumprindo agenda em Manaus (AM), nesta...

Polícia investiga prefeito do Acre e suas amantes, que são fantasmas e ostentam na Internet

Enquanto a maioria dos servidores da prefeitura de Xapuri trabalha jornadas de oito horas diárias para ganhar um salário mínimo, duas eventuais funcionárias comissionadas...

Número de alunos entrando no ensino superior público caiu em 2019

O número de alunos entrando em universidades públicas em 2019 foi de 559 mil, uma queda de 3,7% em comparação à quantidade de estudantes...

STF: plenário vai julgar obrigatoriedade da vacina contra Covid-19

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou urgência na tramitação de ações ligadas à vacinação contra a Covid-19. Com isso, o magistrado...

Anvisa libera importação de 6 milhões de doses da Coronavac

Após ser acusada pelo Instituto Butantan de retardar a fabricação da vacina da farmacêutica Sinovac, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou, nesta sexta-feira...

O jornalista Francisco Guimarães Pereira, o “R7”, candidato a prefeito em Tarauacá, denunciou uma pesquisa de campo que estava sendo realizada na cidade nesta segunda-feira. Em áudio enviado ao acjornal, nesta noite, o candidato revela como foi a conversa dele com os entrevistadores. A sondagem teria sido encomendada pelo MDB e o jornalista não estava na relação dos candidatos. Estranhamente, ele foi informado que, para aparecer na pesquisa, teria que pagar. Ouça acima o desabafo de Francisco Guimarães Pereira e a sua disposição de denunciar a pesquisa no Ministério Público Federal (MPF).

Mesmo discriminado, R7 obtém apoio de muita gente influente na cidade. Do agricultor ao médico, do autônomo ao ambulante, muitos são os que assumem multiplicar votos movidos pela decepção com os grupos que mandam em Tarauacá há muito tempo e não conseguem resolver os problemas da cidade.A escolha da vendedora de picolés e Creusa Viana para vice é elogiada pelo eleitorado mais humilde.

“Nós vamos reconstruir Tarauacá”, diz ele, inconformado com a discriminação.

Veja abaixo as declarações de voto a ele:

 




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui