No menu items!
22 C
Rio Branco
quarta-feira, outubro 28, 2020

Márcio Bittar ataca visita e discurso de Mourão no Acre: “a cara da Marina Silva. Não deixou nada de concreto”

Últimas

TSE aprova envio de tropas federais para as eleições no Acre e outros seis estados

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou nesta terça-feira (27), por unanimidade, o envio de tropas federais a sete estados durante o primeiro turno das eleições...

“O êxito na luta contra a pandemia é de vocês”, diz Gladson em emocionante homenagem aos servidores do Pronto-Socorro

Da Secom Com a sensibilidade e a responsabilidade que um gestor deve ter, o governador Gladson Cameli esteve presente na manhã desta terça-feira, 27, no...

Prefeitura de Rio Branco empossa mais 42 servidores efetivos na Educação

A prefeitura de Rio Branco empossou na manhã desta segunda-feira, 26, mais 42 novos servidores efetivos, aprovados em cursos públicos e que reforçarão as...

Primeira dama Ana Paula Cameli processa cabo eleitoral de Fagner Sales por grave ofensa moral; Gladson vai à polícia

A primeira dama Ana Paula Cameli protocolou uma ação indenizatória contra a internauta Jenyffer Nayane Silva, cabo eleitoral do candidato a prefeito de Cruzeiro...

Em nota, Aleac repudia ataques e se solidariza a Gladson e Ana Paula Cameli

Nota de Solidariedade A Assembleia Legislativa do Acre (ALEAC) vem a público, em nome do presidente Nicolau Júnior, manifestar solidariedade à primeira dama do Estado,...

Senador Márcio Bittar (MDB), diz que a visita do vice-presidente General Mourão Ao Acre foi uma decepção e o mesmo não deixou nada de concreto

O Senador MDBista que é relator do orçamento da união para 2021, afirmou que essa mesma agenda ambiental defendida e elogiada pelo vice-presidente da República, tem gerado atraso e atrapalha o desenvolvimento da Amazônia.
As críticas foram feitas durante uma entrevista para uma emissora local na tarde desta quinta-feira (24), onde o senador Márcio Bittar (MDB) falou de uma importante agenda que acontecerá na sexta-feira (25) em Cruzeiro do Sul, que contará com a presença dos ministros da Integração e Desenvolvimento Regional, Roberto Marinho, e do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

Na pauta estará o início das tratativas para a construção da Rodovia de ligação entre o Vale do Juruá e a Região de Ucayali, no Peru.

“Eu não vi o vice-presidente Hamilton Mourão deixar nada de concreto no estado, fez apenas elogios à política de vigilância ambiental, sendo que temos tantas outras questões de fronteira para serem debatidas”, disparou Bittar.

As críticas contra o discurso ambientalista do vice-presidente Mourão foi além e o senador  chegou a comparar a fala de Mourão com o discurso da ex-ministra Marina Silva.

“O General Mourão só falou de fogo no Acre, tudo que os europeus querem é isso. Eles podem usar e devastar suas riquezas e nós não podemos se desenvolver?”, Indagou. “Se alguém tivesse escrevendo o discurso de Mourão e desse para Marina assinar, não teria diferença alguma”, finalizou Bittar.

O senador é um dos ferrenhos defensores da exploração das reservas naturais da Amazônia, o que segundo ele poderia gerar riqueza e atrair perspectivas de desenvolvimento econômico na região.

O vice-presidente da República General Hamilton Mourão cumpriu agenda pela segunda vez no Acre. Ele também é presidente do Conselho Nacional da Amazônia Legal, e conheceu nesta quarta-feira, 23, o trabalho desempenhado pelo Governo do Estado do Acre no enfrentamento ao desmatamento ilegal, por meio do Centro Integrado de Geoprocessamento e Monitoramento Ambiental (Cigma). Mourão fez elogios à política ambiental desenvolvida pelo governo de Gladson Cameli




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui