No menu items!
24 C
Rio Branco
segunda-feira, abril 12, 2021

Bombeiros canalizam água de açude para combater incêndio que já dura um mês em Lixão de Rio Branco

spot_img

Últimas

A operação de combate ao incêndio que se alastra pelo subsolo do aterro de resíduos sólidos da capital acreana completou um mês nesta quinta-feira, dia 24 de setembro. Não há precisão para acabar a operação que tenta apagar o incêndio.

O Corpo de Bombeiros busca medidas que reduza o custo dos trabalhos diários de enfrentamento às chamas. Uma das medidas adotadas foi a canalização de trezentos metros de rede hidráulica improvisada para transpor a água de um açude próximo, direto para a região que está em chamas.

O Corpo de Bombeiros instalou bombas de sucção para aumentar a potência dos jatos de água. Segundo o Comandante da Corporação, coronel Carlos Batista, isso tem dado agilidade às ações das brigadas para garantir resfriamento diário do local.

“A gente conseguiu manter o abastecimento constante de água e evitamos despesas com caminhões pipa indo e vindo levando água”, disse.

Sobre a previsão para apagar o incêndio o Corpo de Bombeiros acreano ainda não se arrisca em emitir uma data exata. Mas garante que a situação, no contexto geral, já não oferece mais riscos de se alastrar para a vizinhança.

As brigadas de incêndios, compostas também por operários da prefeitura de Rio Branco, trabalham em três frentes de serviço, divididas em lançar jatos de água direto nos locais onde existem chamas; remover o entulho do subsolo para criar uma espécie de vala de isolamento dos locais já afetados pelo fogo e resfriamento de toda a parte ainda não atingida pelas chamas para evitar o alastramento do fogo.




- Advertisement -spot_img

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui