No menu items!
21 C
Rio Branco
quarta-feira, outubro 21, 2020

Gladson libera R$ 15 milhões para duplicar capacidade de captação e distribuição de água de Rio Branco

Últimas

Data Control: Socorro Neri lidera pesquisa em Rio Branco com 27.2%. Minoru tem 21.1%

A atual prefeita de Rio Branco, Socorro Neri, está na preferência do eleitorado da capital acreana, segundo pesquisa de opinião pública   O Instituto Data Control...

Advogado e preso com 17 mil munições no Trevo de Senador Guiomard

O advogado Jaime Pontes Vasconcelos de 37 anos foi preso em flagrante pelo crime de porte ilegal de munição. Ele foi flagrado transportando 17...

Ditadura em Cruzeiro do Sul: enfermeira perde Chefia da Saúde da Mulher, que ocupava há 14 anos, por não apoiar o primo do prefeito...

A enfermeira Renata Barbosa usou um perfil de rede social para relatar as razões pelas quais ela foi desligada do cargo de coordenadora do...

Calote anunciado: PSL despeja tudo na campanha de Minoru e os 26 candidatos a vereador ficam sem fundo partidário

Os 26 candidatos a vereadores pelo PSL em Rio Branco não têm como tocar a campanha por falta de fundo partidário. A insatisfação foi...

Mulher assiste filme pornô gay e descobre que um dos atores é o seu marido

Uma mulher, de 26 anos, teve uma surpresa quando escolheu assistir a um filme pornô assim que seu marido foi dormir, nos Estados Unidos. Enquanto escolhia qual...

O governador Gladson Cameli tem pressa e até já liberou R$ 15 milhões, em caráter de urgência, para a reestruturação do sistema de capitação e tratamento de água da capital acreana. A burocracia exigida por lei para contratação da empresa que vai executar o serviço tem atrasado o início da obra.

“Vamos duplicar a rede de captação a partir da margem esquerda do Rio Acre até a estação de tratamento do Bairro Sobral. O serviço a ser executado é o reparo estruturante na barragem de contenção do reservatório de água da estação de Tratamento ll, que se encontra com vazamento. Esperamos solucionar a redução que ocorre hoje na capacidade de armazenamento do produto”, disse Cameli.

Segundo o diretor operacional do órgão estadual responsável pelo abastecimento de água, Luz Anute, o trâmite legal para a licitação deve demorar ainda uns quinze dias.

“A gente espera poder contratar a empreiteira até a segunda quinzena de outubro para antes do final do ano concluirmos a obra. Iremos ampliar nossa capacidade de distribuição de água em toda a cidade”, disse.

Isso tem reduzido, também, o limite máximo de distribuição de água para os domicílios da capital, submetendo algumas regiões da cidade ao racionamento da água.

 




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui