No menu items!
23 C
Rio Branco
sexta-feira, outubro 30, 2020

18 presos fugiriam por túnel escavado no chão de cela, em Rio Branco; visitas são suspensas por 30 dias

Últimas

Pesquisas eleitorais bancadas por institutos crescem em meio a suspeitas de fraudes. Conheça as histórias

Fonte: O Globo Enquanto os olhos do TSE estão voltados para o combate à desinformação, um esquema capaz de influenciar os resultados eleitorais cresce a...

Assembléia Legislativa decreta Ribamar Trindade o novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado

A mesa diretora da Aleac, por meio de decreto legislativo, referendou o nome do secretário da Casa Civil, Ribamar Trindade, para o cargo vitalício...

CCJ da Aleac aprova Ribamar Trindade para conselheiro do Tribunal de Contas. Plenário fará última votação

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembléia Legislativa aprovou há pouco o nome do secretário da Casa Civil, Ribamar Trindade, para o...

Pesquisas não refletem o que sentimos nas ruas, diz Jarbas Soster

O empresário Jarbas Soster se disse surpreso com  as pesquisas publicadas nos últimos dias em Rio Branco. O candidato diz confiar muito mais na...

Instituto que dá vitória a Fagner Sales em CZS registrou 39 pesquisas em 6 cidades do país para ouvir eleitores em 2 dias. Justiça...

O Instituto AR7 Pesquisa de Opinião e Consultoria Estatística, contratada para aferir a intenções de votos em Cruzeiro do Sul, registrou outras 39 pesquisas...

Durante verificação de estrutura realizada ao logo da manhã e início da tarde desta terça-feira, 29, policiais penais do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) encontraram um buraco na cela 20 do pavilhão K da Unidade de Regime Fechado nº 1, localizada no Complexo Penitenciário de Rio Branco.

O buraco foi encontrado em uma das pedras utilizadas como base para colchão. Ao realizar a verificação, perceberam que a base estava diferente do comum. Diante disso, retiraram o barro de dentro da estrutura e encontraram um buraco que dava acesso ao sistema de drenagem do Complexo.

De acordo com o presidente do Iapen, Arlenilson Cunha, o sistema de drenagem dá acesso à área externa do pavilhão, de onde os 18 presos da cela empreenderiam fuga. Após saírem do pavilhão, os detentos escalariam os muros da unidade.

Para as escavações, os detentos utilizaram uma enxada artesanal feita com uma chapa de ferro da própria estrutura.

Os 18 presos foram realocados em outra cela e responderão a processo administrativo disciplinar para apurar a falta cometida.

Visitas suspensas

Diante da ocorrência desta terça-feira, 29, e da tentativa de fuga registrada no último sábado, 26, a equipe gestora do Iapen resolveu pela suspensão de visitas nos pavilhões K e B. “As visitas serão suspensas nos respectivos pavilhões pelo período de 30 dias a partir das datas das ocorrências”, frisou o presidente do Iapen, Arlenilson Cunha.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui