No menu items!
26 C
Rio Branco
terça-feira, outubro 27, 2020

Juiz eleitoral que tem esposa no gabinete de Roberto Duarte deve ser afastado após denúncia do acjornal

Últimas

Jornalista afirma que assessores de Jéssica Sales também espalham Fake news para atacar governador Gladson Cameli

Leandro Altheman, jornalista na região do Juruá, costuma fazer publicações contra o que chama de velha política. O jornalista afirma que as fakenews contra o...

Novos talentos: jornalista promove incentivo e premiação para crianças

A jornalista e apresentadora do canal ARTISTA EM FOCO, no YouTube, Katiussi Melo, organizou uma programação especial nesse mês de outubro, em comemoração ao...

Polícia Federal usará drones para fiscalizar eleições no Acre

A Polícia Federal usará DRONES durante as eleições a fim de auxiliar os policiais na prevenção e repressão de crimes eleitorais. Visando aumentar a segurança...

Além de amantes, prefeito Bira, de Xapuri, paga comissionados fantasmas que fazem Medicina na Bolívia

Além de duas supostas amantes do prefeito Bira Vasconcelos, pelo menos quatro estudantes de Medicina na Bolívia estariam incluídos na lista de funcionários fantasmas. Eles...

No PSL do Acre, candidato com mais potencial recebe mais fundo partidário

Se engana quem pensar que o candidato mais pobre terá maior repasse do fundo partidário para tocar sua campanha. Esse critério passou longe das...

O Ministério Público Eleitoral enviou ofícios à Presidência e à Corregedoria do Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE/AC) pedindo que ambos analisem as providências cabíveis a serem tomadas com relação a fatos que podem apontar possível comprometimento da capacidade subjetiva do Juiz Eleitoral titular da 9ª Zona, Giordane Dourado.

A esposa do magistrado é lotada no gabinete do deputado estadual Roberto Duarte,  candidato do MDB a prefeito de Rio Branco. Reportagem exclusiva do acjornal (veja AQUI) MOSTROU CLÁUDIA PINHO NAS RUAS DA CAPITAL, PEDINDO VOTOS PARA DUARTE.

Veja abaixo trecho da nota pública emitida há pouco pelo MPF:

Segundo o MP Eleitoral, é público, inclusive por meio de notícias veiculadas pela mídia local, que a esposa do magistrado trabalha na coordenação da campanha de um dos candidatos a prefeito em Rio Branco.

O MP Eleitoral ressalta que não existe nenhuma informação que macule a atuação do magistrado, pelo contrário, o magistrado goza de reputação de alta competência, presteza e que preza pela probidade, entretanto, os fatos veiculados detém potencial lesivo à própria imagem da Justiça Eleitoral, e por essa razão, no entendimento do procurador regional Eleitoral Vitor Hugo Caldeira Teodoro, merece avaliação por parte do TRE/AC.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui