No menu items!
27 C
Rio Branco
quinta-feira, dezembro 3, 2020

Cabo rompe e máquina do governo vai parar no fundo do Rio Acre

Últimas

Nicolau Junior parabeniza Ronald Polanco pela presidência do Tribunal de Contas do Acre

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (Progressistas), em nome da mesa diretora e todos os deputados, parabenizou o novo...

Bocalom, o todo poderoso da vez, não emplaca o Produzir Para Empregar se não quiser

O jornalista Altino Machado e o ex deputado Luiz Calixto lembram o invejável rol de apoiadores de Bocalom, em comentários bem festejarmos na rede...

Ismael Tavares pode ser o novo presidente do Podemos em Rio Branco.

Filiado no PODEMOS-AC, Ismael Tavares é o preterido do Vereador eleito Arnaldo Barros para presidente do diretório municipal do partido em Rio Branco. Ele...

Inimigo da educação: Bolsonaro enfraquece Fundeb e professores ficarão sem reajuste em 2021

A Portaria interministerial 3, do governo Bolsonaro, que altera a gestão do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos...

“ Musa Fitness do crime” volta às redes sociais, cita Deus, vira ré e fica frente a frente com juiz

Presa em flagrante no dia 26 de agosto deste ano pelo crime de tráfico de drogas, Ivanna Alencar de Souza, que ficou conhecido como...

Uma patrol pertencente ao governo acreano foi parar no fundo do rio Acre, na tarde desta terça-feira (03/11), na travessia da cidade de Porto Acre, a 70 quilômentros de Rio Branco.

O vídeo feito pelo próprio operador da máquina, que não teve o nome citado na gravação, mostra o enorme trator submerso na água barrenta do rio com apenas a parte traseira onde fica a logo do governo do lado de fora.

Pela identificação patrimonial da para perceber que a máquina está a serviço do programa Estadual Ramais do Acre e provavelmente iria atravessar o rio para trabalhar na recuperação de estradas na zona rural daquele muniçípio.

O Acjornal apurou que o cabo que prendia a Balsa quando ela atracou se rompeu no exato momento em que a máquina tentava subir o barranco e se encontrava com os pneus dianteiros em terra firme e a parte traseira ainda sobre a balsa.

Segundo o operador de máquinas pesadas Mocicley Aguiar, consultado por nossa reportagem, quando ocorre esse tipo de situação, o certo é acionar o freio e esperar ser puxado por uma outra maquina.

“Pelo que eu observei nas imagens, imagino que o operador tentou arrancar com a máquina de uma vez, o cabo que segura a balsa quebrou e ele continuou fazendo força para subir o barranco sem perceber que os pneus traseiros ainda estavam embarcados e quanto mais ele acelerava mais os pneus traseiros empurravam a embarcação para o meio do rio vindo a cair na água”.

Populares que estavam no local confirmaram que a máquina teve que ser rebocada por um outro trator para sair de dentro da água. Ninguém do governo informou se a máquina ficou danificada.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui