No menu items!
27 C
Rio Branco
quinta-feira, dezembro 3, 2020

A barrigada do ano: Major Rocha e Mara Rocha são desmentidos pelo TCU; Pang recebeu auxilio da Covid mesmo com patrimônio de R$ 3.4 milhões

Últimas

Nicolau Junior parabeniza Ronald Polanco pela presidência do Tribunal de Contas do Acre

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (Progressistas), em nome da mesa diretora e todos os deputados, parabenizou o novo...

Bocalom, o todo poderoso da vez, não emplaca o Produzir Para Empregar se não quiser

O jornalista Altino Machado e o ex deputado Luiz Calixto lembram o invejável rol de apoiadores de Bocalom, em comentários bem festejarmos na rede...

Ismael Tavares pode ser o novo presidente do Podemos em Rio Branco.

Filiado no PODEMOS-AC, Ismael Tavares é o preterido do Vereador eleito Arnaldo Barros para presidente do diretório municipal do partido em Rio Branco. Ele...

Inimigo da educação: Bolsonaro enfraquece Fundeb e professores ficarão sem reajuste em 2021

A Portaria interministerial 3, do governo Bolsonaro, que altera a gestão do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos...

“ Musa Fitness do crime” volta às redes sociais, cita Deus, vira ré e fica frente a frente com juiz

Presa em flagrante no dia 26 de agosto deste ano pelo crime de tráfico de drogas, Ivanna Alencar de Souza, que ficou conhecido como...

O vice-governador Major Rocha e a deputada Mara Rocha cometeram, na manhã deste sábado, talvez a maior barrigada de sua recente trajetória política perante a opinião pública. Os irmãos gravaram vídeo acusando setores da imprensa de receber dinheiro do governo para prejudicar a família Rocha. Acusam ser Fake News a notícia de que seu irmão, Pang Rocha, teria recebido auxílio emergencial do governo federal.

Acontece que o major e sua irmã não tiveram o trabalho de checar o site do Tribunal de Contas da União (TCU), em que Pang (Weverton Fernandes da Rocha) encabeça a lista de 14 candidatos de Rio Branco que receberam o auxílio emergencial, mesmo com patrimônio de R$ 3.450.000 declarado junto à Justiça Eleitoral.

A lista foi liberada pelo ministro Bruno Dantas e a notícia foi publicada nesta sexta-feira (6), sendo, portanto, atual e verídica. A lista contém candidatos que receberam o auxílio até julho de 2020 como se fossem pessoas necessitadas e têm patrimônio acima de R$ 300 mil.

Na gravação, Rocha e sua irmão evitam confronto com o TCU, querendo passar a impressão de que a imprensa local “inventou a notícia”, o que não é verdade.

“Tais casos demonstram potenciais integrantes do rol de inclusões indevidas do benefício, uma vez que os indícios apontam renda incompatível com as regras do programa. Essa lista foi divulgada mediante parcial supressão dos CPFs dos candidatos”, informa o site do TCU.

Veja acima o vídeo gravado por Rocha e Mara Rocha, em que fazem ataques indevidos a jornalistas e ao governo. Mais abaixo segue a lista dos 14 candidatos listados pelo Tribunal de Contas da União.

Fica a pergunta:

Quem precisa de R$ 1.2 mil sendo fazendeiro e milionário?




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui