No menu items!
25 C
Rio Branco
quarta-feira, novembro 25, 2020

Alagamentos e falta de energia: Instituto Nacional de Meteorologia emite alerta de temporais intensos no Acre até 15 de dezembro

Últimas

Blog do Assem: MDB e Márcio Bittar foram omissos com desmandos no Depasa e todos os diretores são exonerados

Não foi por falta de aviso. Quando Sebastião Fonseca foi demitido por corrupção, os substituto deveriam seguir uma linha de gestão minimamente decente. mas se envolveram...

Governador anuncia o pagamento de prêmio de valorização dos servidores do Detran

Da Secom Honrando compromisso de valorizar os servidores públicos, o governador Gladson Cameli anunciou nesta terça-feira, 24, a regulamentação do pagamento do Prêmio Anual de...

Gladson antecipa salários de novembro; gratificação do Detran e auxílio Covid para Saúde e Segurança saem no mesmo dia

O governador Gladson Cameli autorizou a antecipação dos salários de novembro para servidores da ativa e aposentados do Estado. Todos receberão seus vencimentos na...

Gladson aciona MPE, confirma exoneração de todos os cargos políticos do Depasa e a volta da Sanacre

O governador Gladson Cameli informou há pouco que todos os cargos de natureza política do Depasa serão exonerados. A primeira leva de exonerações sairá...

O PP, que ainda recruta fiscais “voluntários”, tem campanha de R$ 4 milhões; Socorro Neri não recebeu nem R$ 470 mil

Com o aumento da transparência na divulgação dos recursos movimentados nas candidaturas, o eleitor tem acesso ao quanto de dinheiro do fundo eleitoral e...

O boletim meteorológico divulgado nesta segunda- feira (09/11) pelo Instinto Nacional de Meteorologia (INM) alerta para uma semana com possíveis fortes temporais no Acre e em outros dois Estados da Região Norte.

Segundo o alerta amarelo emitido pelo INM existem grandes probabilidades do Acre, Amazonas e Roraima serem atingidos por rajadas de vento de 40 a 60 quilômetros por hora no decorrer desta semana.

O vendaval seria acompanhado de pancadas de chuva com risco de queda de árvores. alagamentos e até eventuais danos às redes de transmissão de energia elétrica.

O documento emitido às coordenadorias da Defesa Civil nesses três Estados explica que o fenômeno seria provocado pela mudança da estação climática na região – período que corresponde do dia 10 de Novembro a 15 de dezembro, quando o clima nessa parte da Amazônia passa da estiagem para o período chuvoso.

O ar frio trazido pela chuva, ao se chocar com o ar quente, provoca rajadas de vento pontuais que podem alcançar velocidades acima de cinquenta quilômetros por hora.

No último final de semana já houve chuva com ventos fortes em alguns bairros de Rio Branco com queda de árvores, destelhamento de casas e danos à rede elétrica.

Nesse tipo de situação a defesa Civil recomenda fechar todas as janelas das residências, não estacionar carros debaixo de árvores e evitar o uso de equipamentos eletrônicos plugados à tomada de energia.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui