No menu items!
23 C
Rio Branco
quinta-feira, dezembro 3, 2020

Candidatos do Patriotas em Rio Branco questionam uso de R$ 200 mil do Fundo Eleitoral

Últimas

Bocalom conseguiria governar sem contemplar vereadores com cargos na prefeitura?

O prefeito eleito Tião Bocalom acertaria em rejeitar indicações de vereadores para cargos no município. A declaração dele, segundo a qual  os parlamentares não...

Fantasmas no Mais Médicos: diretor afastado do Hospital do Juruá favoreceu estelionato, diz PF

O diretor Técnico do Hospital do Juruá teria favorecido a prática de estelionato contra a administração pública, entendeu a Polícia Federal. Marcos Melo foi...

Fraude no Mais Médicos: juiz manda sequestrar veículos, casas e outros bens; diretor do Hospital do Juruá é afastado

A Polícia Federal em Cruzeiro do Sul, no bojo da operação “Choro de Hipócrates”, identificou que na região de Cruzeiro do Sul, Rodrigues Alves, Mâncio Lima,...

Veterinário, engenheiro e agrônomo: Governo do Acre divulga e homologa resultado final do concurso do Idaf

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf),...

helicóptero do governo volta em janeiro para cobrir Segurança e Saúde; Gladson vistoria manutenção

O governador Gladson Cameli esteve no hangar da empresa Líder no Aeroporto de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, vistoriando o helicóptero Esquilo B2 do...

Candidatos a vereador pelo Patriotas de Rio Branco questionam o uso de R$ 200 mil do fundo partidário para custeio das campanhas. Três candidatos procuraram o acjornal para alertar o presidente do partido, Julinho.
“Eu espero que não coloquem nenhum centavo mais na minha prestação de contas. Se isso acontecer eu sei o primeiro a denunciar”, disse um dos candidatos.
O site do TSE que trata das eleições 2020 diz que o Patriotas teve um custo total de pouco mais de R$ 114 mil.
Nesse valor estão incluídos os R$ 2 mil repassados a alguns candidatos. O repasse é considerado ” uma miséria” , enquanto, segundo os denunciantes, ‘há gente protegida do presidente que está tendo muitos privilégios”.
Um dos candidatos diz que ‘muito foi prometido lá no início da campanha. Nem a gasolina eles resolveram”.
Há candidatos que tentam falar com a direção do partido há três semanas. O presidente Julinho não retornou o nosso contato.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui