No menu items!
23 C
Rio Branco
quinta-feira, dezembro 3, 2020

Alvo de ataques criminosos, Governo do Acre compra sofisticado equipamento de contraespionagem

Últimas

Bocalom conseguiria governar sem contemplar vereadores com cargos na prefeitura?

O prefeito eleito Tião Bocalom acertaria em rejeitar indicações de vereadores para cargos no município. A declaração dele, segundo a qual  os parlamentares não...

Fantasmas no Mais Médicos: diretor afastado do Hospital do Juruá favoreceu estelionato, diz PF

O diretor Técnico do Hospital do Juruá teria favorecido a prática de estelionato contra a administração pública, entendeu a Polícia Federal. Marcos Melo foi...

Fraude no Mais Médicos: juiz manda sequestrar veículos, casas e outros bens; diretor do Hospital do Juruá é afastado

A Polícia Federal em Cruzeiro do Sul, no bojo da operação “Choro de Hipócrates”, identificou que na região de Cruzeiro do Sul, Rodrigues Alves, Mâncio Lima,...

Veterinário, engenheiro e agrônomo: Governo do Acre divulga e homologa resultado final do concurso do Idaf

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf),...

helicóptero do governo volta em janeiro para cobrir Segurança e Saúde; Gladson vistoria manutenção

O governador Gladson Cameli esteve no hangar da empresa Líder no Aeroporto de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, vistoriando o helicóptero Esquilo B2 do...

O Governo do Acre está adquirindo um equipamento de contra inteligência capaz de mapear ambientes em busca de grampos telefônicos. O próprio governador acreano é alvo de arapongagens. Há duas semanas, um policial militar sofreu busca e apreensão autorizada pela justiça. O militar é lotado no gabinete do vice-governador e agora responde inquérito, podendo ser expulso da corporação.

O chefe do Gabinete Militar, coronel Amarildo Martins Camargo, assina o processo de compra do aparelho, publicado na edição do Diário Oficial desta terça-feira (17), numa parceria com a empresa BERKANA TECNOLOGIA EM SEGURANÇA LTDA.  Aparelho semelhante foi comprado pelo Inep, para bloquear ação criminosa na aplicação das provas do Enem.

A chamada “maleta anti grampo” promete resguardar a segurança da informação e as relações institucionais, sobretudo na comunicação interna do governo. Também protege as autoridades constituídas da invasão de privacidade. O equipamento identifica câmeras escondidas e escutas ambientais, pequenas “moedas” em geral instaladas clandestinamente em buracos de tomadas, lâmpadas e chuveiros de incêndio. É mais sofisticado aparelho de varreduras ambientais da atualidade, e por isso eleito o preferido dos poderes estaduais e da União.

Custará R$ 255 mil.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui