No menu items!
26 C
Rio Branco
segunda-feira, janeiro 25, 2021

Campeão de gastos na Câmara Federal, Jesus Sérgio é destaque negativo na grande imprensa: paga até R$ 28 mil para gerenciar perfil pessoal no Facebook

Últimas

O deputado federal Jesus Sérgio (PDT) paga por serviços de publicidades, a uma única empresa, valores que variam de R$ 12 mil a R$ 28 mil mensais. A prestadora de serviços não possui informações sobre seu quadro societário junto à Receita Federal, e foi contratada para gerenciar o perfil pessoal dele no Facebook.

O Portal Metrópolis diz que o parlamentar acreano investiu forte na eleição da esposa prefeita de Tarauacá. Usado como fonte fiel de informações, o Portal transparência aponta o congressista como o que mais gastou, dentre os 513 parlamentares, com a Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap) entre 1º de janeiro e 11 de dezembro de 2020. Jesus Sérgio é campeoníssimo em gastos.

O pedetista totalizou R$ 523.882,68 em despesas custeadas pelos cofres públicos, diz uma reportagem datada desta terça-feira (15).

O acjornal pesquisou a variante de salários pedida por um profissional de TI (Tecnologia da Informação) para gerenciar o Facebook de um parlamentar, e identificou preços até 5 vezes menores que os pagos pelo deputado. Além disso, um assessor que já é pago pelo contribuinte, lotado no gabinete do parlamentar, poderia desempenhar essa função sem prejuízo para  os protocolos sanitários em tempos de pandemia. A nota de maior valor foi de R$ 28.800,00 mil em OUTUBRO/2020 e as demais podem ser acessadas no Portal Transparência da Câmara Federal.

A Câmara determinou, em março, a suspensão da maior parte das atividades presenciais e estabeleceu sessões a distância, o que deveria gerar economia. Jesus vai na contramão da recomendação da Casa – neste ano de pandemia, já gastou mais do que em 2019.

“Este ano foi atípico para muitos setores pela paralização de algumas atividades por causa da pandemia da Covid-19. Na Câmara dos Deputados, a atividade política foi na direção contrária a essa tendência: 2020 acabou exigindo muito mais atuação do parlamentar que em anos anteriores. Como sou parlamentar de primeiro mandato, eleito por um partido ainda pequeno no estado do Acre, não podia passar o ano todo de 2020 em trabalho remoto, em casa, apenas participando das sessões”, justifica Jesus Sérgio em nota enviada ao Metrópoles.

A reportagem segue abaixo:

Cada representante do Acre na Casa tem disponíveis por mês R$ 44.632,46 para custear despesas do mandato, como passagens aéreas e conta de celular. O valor gasto por Jesus corresponde a 94,94% da verba à disposição.

Para garantir pagamento ou reembolso, é preciso apenas apresentar notas fiscais ou recibos. Esses políticos podem gastar, por exemplo, com a divulgação da atividade parlamentar: uma despesa subjetiva, que se converte em autopropaganda, segundo especialistas em fiscalização e gastos públicos.

O maior gasto de Jesus Sérgio é relativo à divulgação da atividade parlamentar – R$ 185.090 neste ano. Algumas das notas com valores mais elevados foram emitidas pela DW Comunicação Visual, que, de acordo com as notas fiscais apresentadas, administra o Facebook do deputado e faz impulsionamentos do conteúdo publicado. A maior parte das notas dessa empresa têm valor aproximado de R$ 10 mil por mês.

Em outubro, enquanto o isolamento social era recomendado, o deputado também distribuiu pelas ruas 10 busdoor (anúncio na traseira de ônibus) e 20 outdoor, medindo 9×3 metros, para divulgação da atuação do mandato. Esses serviços foram pagos pelo parlamentar, conforme Nota Fiscal nº 419, emitida pela DW em 21 de outubro de 2020, no valor de R$ 28.800.

“A consultoria prestada foi na criação de cards para divulgação das atividades parlamentares do deputado Jesus Sérgio nas suas redes sociais e uso de ferramenta de impulsionamento das publicações com o objetivo de atingir o maior número de pessoas em todo estado do Acre”, traz a nota fiscal.

Ricardo Silva, representante da DW Comunicação, informou ao Metrópoles que uma parte dos outdoors foi instalada em Rio Branco e outra em Tarauacá, base eleitoral de Jesus Sérgio, mas não soube dizer qual era o conteúdo da publicidade. “Em geral, o deputado divulga suas ações como parlamentar, como as emendas que consegue para o estado”, afirmou. Sobre os impulsionamentos de conteúdo no Facebook, indicou que a reportagem procurasse a assessoria do parlamentar.

 

 

 




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui