No menu items!
26 C
Rio Branco
quinta-feira, janeiro 21, 2021

Acre prepara logística de vacinação com equipe treinada, aeronaves, lanchas e Exército: veja o público prioritário em cada município

Últimas

O secretário de Estado de Saúde Alysson Bestene detalhou como se dará o início da vacinação contra a COVID-19 no estado, além de esclarecer as dúvidas elaborada em um plano minucioso e que abrange todas as 22 cidades do Acre.
Previsão é de que as vacinas possam ser distribuídas entre o dia 25 de janeiro e 10 de fevereiro, a depender da liberação pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, que pode acontecer no domingo próximo.
“O governo do Acre fez aquisição formal de 700 mil doses de vacina contra a Covid-19 ao Instituto Butantan, que já está produzindo a Coronavac. Também está assegurado pelo ministério da Saúde, 136 mil doses da vacina da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford”, disse o secretário.

Capacidade de armazenamento

Com a entrega da câmara fria, estimada para o final de janeiro, e mais o suporte de armazenamento de todo o estado, o Acre contará com uma capacidade de armazenamento de 1,6 milhão de doses de vacinas. Segundo Alysson, o sistema atual e a característica simples de armazenamento das vacinas que estão sendo fabricadas no País não terá dificuldades alguma no estado.

Estrutura para transporte de vacinas

1 central estadual de Rede de Frio
232 salas de vacinas ativas
22 centros municipais de rede de frio
1 centro estadual de rede de frio
1 centro auxiliar
1 base auxiliar para armazenar vacinas (Covid-19 e gerais)
2 centrais de rede de frio: regional do Juruá e Alto Acre
2 freezers: Cruzeiro do Sul e outro em Rio Branco
2 caminhões baús refrigerados
2 caminhonetes

Lanchas e barcos

Como a previsão para iniciar é o dia 25 deste mês, o governo pretende massificar uma grande campanha de conscientização da população, para desmitificar a narrativa negativa que foi criada em torno da vacina.

“Qualquer vacina desenvolvida pelo que tem de melhor na ciência e aprovada pela ANVISA é segura. Nós vamos usar os meios de comunicações do estado em geral, para dizer a população acreana que, nossa rotina só voltará a normalidade quando as pessoas estiverem imunizadas e isso só é possível com a vacina”, finalizou Alysson.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui