No menu items!
27 C
Rio Branco
domingo, fevereiro 28, 2021

Médico teme que nova Cepa já tenha chegado ao Acre; Gladson avalia pedir fechamento das fronteiras

Últimas

O governador Gladson Cameli disse há pouco, ao acjornal, que avalia pedir o fechamento das fronteiras do Acre com Peru e Bolívia. Cameli está em Brasília e deve formalizar o pedido nas próximas horas junto ao Ministério das Relações Exteriores.

“Nós temos justificativas plausíveis. As infecções só aumentam e a circulação de pessoas entre países e estados próximos a nós precisa ser disciplinada”, disse Cameli. Ele não descarta decretar medidas mais extremas para coibir o trânsito de pessoas nas divisas com Porto Velho (RO) e Amazonas, onde a variante do novo coronavírus, mais letal, que mata mais rápido, já responde por cerca de metade das novas infecções, alcançando, inclusive, pacientes mais jovens. A medida, se concretizada, obrigaria as forças de segurança a agir com mais rigor nas viagens de passageiros com destino a Guajará, Eirunepé, Lábrea e outras cidades – e vice-versa.

O médico Fabrício Lemos disse que a preocupação do governador “é a preocupação de todos nós”. Ele avalia que “a nova cepa, inevitável e infelizmente, deve chegar ao Acre”. Fabrício entubou dois pacientes nas últimas 48 horas. Ele relata ter sido “avassaladora” a morte do policial civil Amoísio Severiano Júnior, de 46 anos. O rapaz faleceu horas após ser testado positivo para Covid.

Uma equipe liderada pela imunologista Ester Sabino coletou dados genômicos de testes de covid-19 em Manaus que indicaram que 42% dos casos confirmados estavam infectados pela nova variante, que possui mutações semelhantes às variantes britânica e sul-africana.




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui