No menu items!
23 C
Rio Branco
segunda-feira, março 1, 2021

Resort Hotel, em Rio Branco, pivô de calote milionário, vira ponto de drogas e prostituição

Últimas

O Resort Hotel, um dos empreendimentos do ramo mais luxuosos e caros do Acre, virou antro de prostituição. Ali, no acesso à Estrada da Transacreana e à Via Verde, o suntuoso prédio também abriga viciados em drogas, na claridade do dia, na escuridão das noites perigosas da Floresta Sul. O imóvel é do assessor especial do Governo do Acre na gestão do petista Tião Viana, Antônio Monteiro, e tem sido o pivô de uma interminável batalha judicial entre sócios. Também é objeto de penhora em razão de um financiamento não quitado cujo valor principal seria de R$ 18 milhões.

Janelas foram quebradas, trincadas ou simplesmente arrastadas pelo vândalos. Outros artigo caros foram levados pelos invasores. Não há vigilância no local, contam os vizinhos e trabalhadores de empresas próximas.

“Caminhões de mudança vieram e levaram muita coisa. Isso já tem alguns meses. Agora só vejo puta e criminosos por ali”, diz um braçal que pediu anonimato. “To vendo a hora matarem alguém lá dentro”, diz ele.

Penhora

A juíza Zenice Mota Cardoso já decidiu pela penhora do hotel. Outros três sócios são citados na ação. Eles contraíram o empréstimo via Amazônia Rio Empreendimentos LTDA, empresa de Antônio Monteiro, a partir do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO).

 




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui