No menu items!
27 C
Rio Branco
domingo, fevereiro 28, 2021

Nego Di, do BBB21: “sou machista, racista, homofóbico e gordofóbico”

Últimas

Participante já era criticado antes do reality começar

O humoista gaúcho Nego Di admitiu que é preconceituoso em conversa com Acrebiano e Lucas Penteado no Big Brother Brasil 21.

“Sou machista, sou homofóbico, sou racista, sou gordofóbico”, falou o humorista.

“Mas a diferença entre mim e uma pessoa que talvez quer que essas pessoas morram, quer fazer o mal pra essas pessoas, é que eu entendi que isso precisava parar dentro de mim.”

“E que cada um tem o seu momento. E todo mundo é tudo isso, mano. A minha mãe é machista pra caralh*, só que as pessoas têm o seu processo de evolução, entende? O meu processo é agora. Eu quero mudar, pô. E eu tô sendo honesto pra caralh*.”

O reality show da TV Globo começou nesta segunda-feira 25, mas antes disso, na internet, circularam vídeos e acusações contra Nego Di.

O comediante é acusado de minimizar a violência contra mulher, fazer piada com estupro e de homofobia.

Em outubro, após a jornalista e influenciadora Annabel Nascimento Machado participar de uma live que falava do cuidado que se deve ao fazer piadas com estupro, com o influenciador Fabrício Simão, Nego Di entrou na live e chamou a ela e outros feministas de “cheiradoras de lança-perfume, se fazendo de loucas, acostumadas a chupar cacet* no meio da rua e dar o rab* em carro por aí”.

Em outras situações, o comediante fez piada com estupro masculino e divulgou arte em que tinha relações sexuais com um desafeto seu na internet na intenção de humilhá-lo.

Na internet, seu primeiro dia de participação no reality ganhou muitas críticas.

Fonte: Guia Gay São Paulo




- Advertisement -

Mais notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui