No menu items!
24 C
Rio Branco
segunda-feira, abril 12, 2021

Proprietária da Estação VIP, mulher de ex-comandante da PM do Acre, posta tomando vacina e apaga foto; Governo manda apurar “fura fila”

spot_img

Últimas

A proprietária da Estação VIP, que presta serviço na área de segurança armada no Acre, Dayanna Menezes, fez o registro ao tomar uma vacina, na Policlínica, a clínica mantida pela Polícia Militar. O post contém um selo “vacinada” e, na legenda, ela escreveu: ” 1ª dose p conta”.  Dayanna não é grupo  de risco, tampouco prioridade para imunização contra o novo coronavírus.

Imediatamente, internautas começaram a questionar se a empresária, mulher do coronel Ulisses Araújo, ex-comandante da PM, teria furado a fila da campanha de imunização contra Covid no Acre. A imagem postada no Instagram de Dayanna foi removida. Mas não escapou de internautas atentos, que fizeram o print e lançaram o post nas redes sociais.

A reportagem não conseguiu falar com dirigentes da Policlínica pelo contato 3227 2674. A empresária não foi localizada. Na VIP, funcionários dizem não ter autorização para informar seu celular.

Mas o comandante da PM, coronel Paulo César, informou há pouco que as doses disponibilizadas pela Secretaria de Saúde, aplicadas na Policlínica, eram destinadas apenas aos funcionários civis e militares que têm contato direto com pacientes.

“Nem o nosso pessoal de rua (militares da linha de frente de combate à pandemia) tomou a vacina ainda. Vamos procurar saber se ela (Dayanna) tomou e por que tomou”, respondeu o comandante.

O secretário de Saúde, Alysson Bestene, também determinou uma investigação, a fim de saber se a empresária teve acesso (e por ordem de quem) á dose que é exclusiva de grupos prioritários nesse momento.




- Advertisement -spot_img

Mais notícias

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui